Escolha um “escritório” com internet gratuita, em qualquer lugar do mundo, para exercer o jornalismo freelance


Se tem uma coisa que os praticantes do jornalismo freelance não gostam é de lugares fechados, de onde eles não podem ver o mundo. Um jornalista freelance gosta mesmo é de pessoas, de liberdade, de ambientes reais de onde ele possa captar alguma ideia para criar um livro, uma grande-reportagem ou um trabalho de fotojornalismo, por exemplo.

Escritórios podem ser elegantes, mas quem trabalha com jornalismo freelance gosta mesmo é de ar livre, de onde seja possível tirar bons assuntos para escrever ou fotografar. Na imagem, protesto contra a não exigência de diploma para o exercício da profissão de jornalismo. Foto: Naldo Gomes

Escritórios podem ser elegantes, mas quem trabalha com jornalismo freelance gosta mesmo é de ar livre, de onde seja possível tirar bons assuntos para escrever ou fotografar. Na imagem, protesto contra a não exigência de diploma para o exercício da profissão de jornalismo. Foto: Naldo Gomes

E, pensando em reduzir os custos operacionais do jornalista freelence, quero apresentar um localizador de internet grátis (Wi-Fi):

  • JiWire Global Wi-Fi Finder

Este aplicativo é capaz de encontrar mais de 300 mil pontos de acesso wi-fi gratuitos e pagos à internet em mais de 140 países. É claro que nós iremos nos concetrar nos gratuitos, não é mesmo :-)?

Vamos fazer isso de um jeito divertido, com uma missão, uma pauta fictícia:

Pauta:

Ouvimos no rádio que está havendo um passeata envolvendo mais de um milhão de pessoas em favor da não mais utilização de notas fiscais para trabalhos autorias de jornalistas (Seria uma maravilha se isso ocorresse de verdade).

Rapidamente, pegamos nossa câmera fotográfica, o notebook e vamos direto para o Anhangabaú, onde ocorre a manifestação.

Nosso trabalho será fotografar e produzir notícias instantâneas para um blog e oferecer textos, fotos e vídeos a veículos de comunicação variados.

Antes de sairmos de casa, porém, é necessário procurar no JiWire os pontos de acesso à internet gratuitos e disponíveis no local. Como fazer isso? Siga essas instruções:

  • Digite Jiwire.com no seu navegador;
  • Em seguida, clique em “Global Wi-Fi Finder“, como indicado pela seta vermelha: 

    Use o JiWire para descobrir pontos de acesso gratuitos à internet e, assim, praticar o jornalismo freelance na faixa

    Use o JiWire para descobrir pontos de acesso gratuitos à internet e, assim, praticar o jornalismo freelance na faixa

  • Clique em “Click here“:
Pesquisa em mais de 140 países

Pesquisa em mais de 140 países

  • Pressione “Click here for more search options“:
Mais de 300 mil pontos de acesso à internet

Mais de 300 mil pontos de acesso à internet

  • Para encontrar todos os pontos de acesso de uma determinada localidade, digite o nome do país (1), o estado (2) e o município (3) na pesquisa avançada, como no exemplo. Selecione a opção “Free” (4) para localizar os pontos de acesso gratuitos. Para finalizar, clique em “Show Results in List” (5) para ver os resultados numa lista ou “Show Results on Map” (5) para verificar os resultados num mapa. Observe:
Dica de segurança: nunca leve um equipamento com informações confidenciais para um ambiente público. Veja mais dicas de segurança adiante, nesse post

Dica de segurança: nunca leve um equipamento com informações confidenciais para um ambiente público. Veja mais dicas de segurança adiante, nesse post

  • Como no nosso caso estamos querendo encontrar uma localidade específica, vamos digitar “Anhangabaú Free” num dos campos indicados pelas setas vermelhas e, em seguida, clicar em “Go“:
O JiWire permite agrupar os resultados da busca num mapa ou numa lista

O JiWire permite agrupar os resultados da busca num mapa ou numa lista

  • Nós também podemos agrupar os resultados pressionando os botões “Area Map” e “Result List“, como na indicação abaixo. Não podemos nos esquecer de selecionar “Proximity” para listar os pontos próximos do local indicado ou “A-Z” para listar os pontos em ordem alfabética:
Acesse a internet de graça a partir de bares, padarias, shoppings e outros locais

Acesse a internet de graça a partir de bares, padarias, shoppings e outros locais

  • Se selecionarmos “Show Results on Map” ou “Area Map“, os resultados serão apresentados num mapa do Google Maps. Os botões em azul representam os pontos de acesso pagos e os botões verdes representam os pontos de acesso à internet gratuitos:
O JiWire tem como parceiros o Yahoo, o Google e a Sony, dentre outros

O JiWire tem como parceiros o Yahoo, o Google e a Sony, dentre outros

  • Ao selecionarmos “Show Results in List” ou “Result List“, veremos os resultados de acordo com a figura abaixo. Na coluna da esquerda, estão as informações do local que pode ser um bar, uma padaria, um aeroporto ou outra localidade. Já na coluna da direita, estão as opções de acesso e a indicação “Free” se a conexão for grátis:
O JiWire permite baixar aplicativos para o iPhone e para o iPad

O JiWire permite baixar aplicativos para o iPhone e para o iPad

 

  • Vamos clicar sobre a conexão. No caso da nossa procura nas imediações do Anhangabaú, encontramos um ponto de acesso gratuito no “Shopping Analia Franco”, veja abaixo:
O JiWire serve 20 milhões de usuários únicos por mês

O JiWire serve 20 milhões de usuários únicos por mês

  • Antes de irmos para o Vale do Anhangabaú para escrever sobre a nossa pauta, o melhor a fazer é verificar mais dois pontos e, em seguida, pesquisar telefones no Google Maps (Maps.google.com.br), ligar e confirmar se os pontos de acesso à internet existem e se são realmente gratuitos. Assim, evitaremos surpresas quando chegarmos ao local;
  • O JiWire ainda possui mais três botões no canto inferior direito da página, como pode ser visto na figura, que servem para:
  1. Registrar um novo local Wi-Fi;
  2. Download grátis de ferramentas Wi-Fi para iPhone e iPad;
  3. Informações de licença da base de dados do JiWire.
Registrar um ponto de acesso à internet gratuito no JiWire pode valorizar o seu estabelecimento

Registrar um ponto de acesso à internet gratuito no JiWire pode valorizar o seu estabelecimento

Dicas de segurança para utilização de notebook em lugares públicos

Seja um trabalhador do jornalismo freelance ou um internauta de qualquer outro gênero, ao utilizar um equipamento como um notebook ou um netbook em lugares públicos é preciso tomar alguns cuidados de segurança:

  • Nunca levar um equipamento que contenha dados confidenciais para lugares públicos;
  • Utilizar uma trava de segurança para fixar o equipamento a uma mesa ou qualquer outro objeto que dificulte o furto;
  • Ficar de olho nas pessoas ao redor e a qualquer sinal suspeito, desaparecer como numa mágica do David Copperfield;
  • Se possível, escolher pontos de acesso em que a polícia esteja por perto;
  • Colocar uma senha de acesso para evitar que pessoas mal intencionadas possam roubar informações;
  • Usar um equipamento velho e deixar as tecnologias novas em casa.

O JiWire não é para mãos-de-vaca

Ao usar conexões de internet gratuitas e fazer dos restaurantes, padarias e bares o seu escritório, as pessoas podem achar que você é um mão-de-vaca. Pense que, mão-de-vaca é aquele cara que, ao ler um livro, desliga a luz quando vai mudar de página para não gastar energia. E esse não é o seu caso, certo?

Você, como praticante do jornalismo freelance, quer apenas ter ideias, escrever, produzir cultura, e precisa de ar livre para isso ;-).

Anúncios

Sobre Naldo
Jornalista e escritor.

2 Responses to Escolha um “escritório” com internet gratuita, em qualquer lugar do mundo, para exercer o jornalismo freelance

  1. Alexandre says:

    Como vai amigo, estou muito curioso em relação a ser um freelance?!…
    Sou uma pessoa que gosta de tirar muitas fotos de lugares e fazer filmagem tbm.
    Para ser contratado como um preciso fazer o quê?

    • Naldo says:

      Caro, Alexandre,

      Na minha opinião, a primeira coisa que um freelance precisa aprender é a lidar com os “Nãos” porque eles são infinitamente mais frequêntes que os “Sims”. Partindo daí, é preciso ter uma lista de clientes potenciais e ligar para eles de tempos em tempos e oferecer pautas específicas que tenham a ver com o trabalho deles.

      Tenha uma agenda onde você possa guardar esses dados e reserve um dia da semana só para ligar, oferecer pautas, oferecer o seu trabalho e dialogar com clientes que pediram tempo ou solicitaram uma melhoria numa pauta enviada anteriormente por você.

      Você vai ouvir muitos “nãos” e alguns poucos “sims” que podem ou não valer a pena. Depois que você adquirir uma certa prática e ficar mais conhecido no mercado, existe uma esperança de que as coisas mudem para melhor.

      Leia muito sobre freelance, empreendedorismo, vá a palestras e conferências sobre qualquer assunto, tenha um blog atualizado todos os dias (aprenda sobre as técnicas de SEO) e não esqueça de distribuir o seu cartão de visitas em qualquer lugar onde você vá.

      É isso… abraço e boa sorte!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: