Pe. Quevedo comenta o fenômeno de Nossa Senhora de Guadalupe


Entre os dias 9 e 12 de dezembro de 1531, no México, cerca de uma década após a chegada dos conquistadores espanhóis liderados por Hernán Cortez à América e da queda de Montezuma e seu Império Azteca, o índio Juan Diego – então com um nome espanhol, pois era um dos poucos índios convertidos ao catolicismo – tem uma série de visões de Nossa Senhora. Ela diz para que Juan Diego solicite ao bispo local que construa uma capela naquele exato lugar que, hoje sabe-se, trata-se do centro geográfico da América.

De acordo com a história, devido a relutância do bispo em acreditar no índio, a imagem de Nossa Senhora imprime-se misteriosamente num aiate – um  tipo de pano que é carregado constantemente pelos aztecas.

Desde então, cientistas do mundo inteiro puderam realizar análises no aiate de Juan Diego, que permanece conservado até hoje, quase 500 anos depois.

Publicidade:

O padre Oscar Gonzáles Quevedo – popularmente conhecido como padre Quevedo – comenta os misteriosos fenômenos do aiate de Juan Diego nessa entrevista realizada  no Centro Latino Americano de Parapsicologia (Clap) – www.clap.org.br – no dia 22 de fevereiro de 2010.

A entrevista foi realizada em vídeo, posteriormente editada em quatro partes e postada em naldogommes’s Channel.

Pelo fato de ter sido produzida para vídeo, algumas lacunas foram preenchidas com pequenas notas que a complementam. Essas notas estão sempre entre os sinais [ e ].

Boa leitura!
___________________________________________________________

Interior da atual Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe

O aiate onde está impressa a imagem de Nossa Senhora de Guadalupe. Fonte: http://www.paginasmarianas.blogspot.com

 

Naldo Gomes: Quem foi Juan Diego e o que aconteceu na vida dele entre os dias 9 e 12 de dezembro de 1531?

Padre Quevedo: O índio Juan Diego era um oleiro, trabalhava com óleo. Ele era de uma família que estava querendo converter-se ao catolicismo. Então ele ia para uma cidade distante, para [poder encontrar] os franciscanos. Tinha que rodear o lago Texcoco, subir o monte Tepeyac e depois encontrava a capela dos franciscanos para fazer o catecismo.

Ia, ia, ia e claro, com esse entusiasmo. E ele era um viúvo cinquentão, tinha cinquenta e tantos anos. Tudo isso está escrito no livro, eu não me lembro… Se há alguma coisa que lhe interessa depois você me pergunta. Também não vai publicar assim, depois você reedita, não é? [Quevedo gesticula mostrando os dedos como se fossem tesouras].

Naldo: Isso mesmo. Depois eu pego as melhores partes porque o Youtube disponibiliza apenas dez minutos para a postagem de filmes.

Quevedo: Ya… Então, esse Juan Diego, de 57 anos, teve no dia 9 de dezembro de 1551… 1500… Perdão. Em 1531, ele viu. Não há aparições. É absurdo pensar que o sol está nas costas. Não cabe [Quevedo aponta para um quadro onde está uma fotografia da imagem original de Nossa Senhora de Guadalupe]. Ou que tantas estrelas… Absurdo, não cabe nem meia. A lua aos pés… Não cabe. Então, isso é a imaginação do índio. São os deuses dos índios. O deus Sol. A terrível Quelzalcoatl, a lua, a deusa violenta.

Tem alguma inspiração bíblica nessas comparações. E com um manto de rainha, tanto as cores… E tem uma série de hieróglifos no manto que, os aztecas entendiam muito bem. Mas isso aí é a imaginação dele. Ele [Juan Diego] viu isso, ouviu com entusiasmo essa alucinação porque não se pode aparecer. Deus não vai mentir dizendo que o sol e as estrelas e a lua… É a imaginação do índio.

E (Nossa Senhora pediu em sua visão] que queria lá uma capela. Que Juan Diego conversasse com o bispo Juan de Zumárraga. Mas Zumárraga nem ligou, não deu a mínima:

 – Que coisa tão absurda, imaginação de índio – [duvidou].

Teve [Juan Diego] uma segunda visão dia dez do mesmo dezembro de 1531, [com Nossa Senhora] insistindo [no pedido], mas o bispo não acreditou e tal. [Ela] volta, na imaginação dele. A [imaginação do índio] projetou que a Nossa Senhora lhe dizia: “Volta que [o bispo] vai acreditar”. Voltou e [o bispo] nem o recebeu. Então [Juan Diego] desanimou e fugiu.

Dia 11 não há nada, fugiu. Dia 12, mesmo fugindo de novo, em termos, porque o tio de Juan Diego, chamado Juan Bernardido…. Juan Diego, Juan Bernardino, Juan de Zumárraga… Todos eram Juans [Quevedo brinca e sorri]. O tio de Juan Diego, [chamado] Juan Bernardino, estava desenganado por todos os médicos espanhóis que já tinham lhe tirado partes do corpo em cirurgias, estava morrendo e também viu, de tanto conversar com o seu sobrinho sobre a imagem. O assunto é que recuperou tudo o que cirurgicamente lhe tinham retirado, se levantou, recuperou as forças e todos os médicos espanhóis foram até o bispo Juan de Zumárraga:

– Olha, essas coisas que disse o índio não são bobagem porque, olha o que aconteceu com Juan Bernardino. – [argumentaram os médicos].

Dizem que nós espanhóis temos a cabeça dura, mas os bascos, nem com britadeira! [Quevedo solta uma gargalhada] Juan de Zumárraga era um basco.

– Que nada, esse é outro índio. Quero aquele indinho que está lá. – [retrucou Zumárraga].

Bom, então, Juan Diego foi agradecer. Em parte fugindo e em parte agradecer a cura de seu tio, porque já na primeira entrevista Juan de Zumárraga havia dito:

– Ah, que você viu isso é bobagem. Milagrinho, milagrinho, que sem milagrinho não tem basílica.

E [esse é um dito de] nada menos que o papa mais sábio da história. Próspero Lambertini é um caso de ciência infusa. Já quando criança sabia tudo. Chamavam um congresso, um concílio de teólogos que não se podia dar conta:

– Chamem Próspero Lambertini!

[E ele] criancinha, “pi, pi, pi”, convenceu a todos. E depois foi papa, Bento XIV. Então, já dizia: O critério único suficiente necessário para aceitar uma revelação é o milagre. Ele falava em latim: Criterium unicum sufficiens et necessarium revelationois suae. É o milagre! Então, naquela época, século XVI era a época da cultura religiosa, espanhola, européia. Então, milagrinho, milagrinho, que sem milagrinho não tem basílica. Senão, com tantas visões, tantas alucinações, tantas imaginações… [Quevedo soca a mesa] milagrinho!

O fenômeno é natural, claro. Mas será que não deve ser especialmente providencial? Que Deus está servindo das alucinações de Fátima, das alucinações de Guadalupe, das alucinações de Lourdes, uma coisa na rocha que primeiro acharam que era a superiora, depois…

São fenômenos naturais. Não há aparições. Do além para o aquém, não volta ninguém. Não há aparições. Isso é muito bem demonstrado pela parapsicologia. Mas poderia ser que Deus se servisse de um fenômeno natural. Então, seria natural e especialmente providencial. Então, que assinem! O critério único é o milagre.

Então, ele [Juan Diego] foi lá agradecer a cura de seu tio e dizer que o bispo [Zumárraga] pedia um milagre. [E então], dia 12 de dezembro, em pleno inverno mexicano, apareceram rosas de Toledo…

Rosas de Toledo, de carro uma meia hora ao sul de Madri, na Espanha, são as melhores do mundo com muito… Se diz metaforicamente que Toledo tem nove meses de inverno e três de inferno. No inverno existe neve, frio, neve. E depois, durante três meses, não aparece uma nuvem nem que a pintes. E um calor… No alto de Castela. E é isso o que querem as rosas: água por baixo e nove meses de neve. As rosas de Toledo chegam até esse tamanho [Quevedo gesticula], a largura do meu corpo. E um aroma fantástico, são as melhores do mundo!

Em pleno inverno mexicano foram brotar rosas de Toledo? Que era também no inverno espanhol. Como poderiam brotar? Pergunte a Deus como Ele fez isso por ordem de Nossa Senhora.

E então, com seu cobertor que era de aiate. Aiate era um pano que usado não aguentava mais de cinco anos, pois era muito quebradiço. Guardando numa gaveta com naftalina pode chegar até uns 20, 21 anos, mas também se desfaz. E [o aiate de Juan Diego] está lá desde 1531. Já aguentou milhares de mãos tocando, terços tocando. E durante muitos anos em que esteve exposto, não estava protegido. No lado direito [Quevedo aponta para o quadro na parede], não sei se aí aparecerá, jogaram ácido de corroer metais. Uma gota atravessa a perna de um cadáver. Uma gota não, não chega. Mas duas gotas atravessam a perna de um cadáver. Jogaram lá, caiu do lado direito, aí não se nota. Me empresta esse livro… [Quevedo pede o livro “A Virgem de Guadalupe – Legado Divino ou Pintura Humana”, onde há uma imagem de Nossa Senhora de Guadalupe]. Aqui se nota muito bem. Do lado direito nosso tem o ácido, mas não pega nada da imagem. Duas gotinhas do outro lado. No aiate, de perto se nota. Afastando-se um pouquinho não se nota nada. É ácido de corroer metais.

E assim, tantas outras coisas aconteceram. Um comunista espanhol foi lá. Um ateu. Foi lá, isso é relativamente recente, digamos. Aqui está tudo misturado, não é? Desculpa… [Quevedo procura alguns dados no meio de documentos que estão espalhados sobre sua mesa].

Naldo: Não tem problema algum padre…

Quevedo: Bom, então, é… Na época do comunismo, recente… Do comunismo e do ateísmo que impunha-nos as autoridades mexicanas, este senhor espanhol, entrou a noite na basílica com uma cesta de rosas e todo mundo [Quevedo imita a reação das pessoas]… Não rosas de Toledo, claro, mas…

– Olha! Olha! Olha! – [o povo fica espantado].

E colocou [as rosas] sobre o altar.

– Que devoto!

As três da madrugada: “PLAFT”. Era uma bomba disfarçada com as rosas. O altar, poeira. O crucifixo que ainda hoje se conserva, saiu disparado feito um oito. Coisas que estavam por trás da imagem, estragadas. Os vidros, estragados. E a imagem, nada. Nem um mínimo raspão. Fantástico!

E então, milagrinho, milagrinho. E conseguiu esse milagrinho que se conserva até hoje com todos os ataques…

Juan Diego foi até Juan de Zumárraga [agora com o aiate repleto de rosas de Toledo colhidas por solicitação de sua visão de Nossa Senhora] e ao fazer assim [abrir o aiate], caíram as rosas e “PAF”, ficou impressa a imagem.

Os melhores cientistas do mundo, especialistas como, por exemplo, Richard Kuhn, deve estar escrito ali [aponta para um livro], Richard Kuhn. Duas vezes Prêmio Nobel em Química – em 1938 e 1945 – demonstrou que não é tinta vegetal, nem animal, nem mineral, nem sintética. Então, como que está aí se não é tinta? A Kodak disse que é parecido com uma fotografia, mas que não é fotografia, não impressionou o tecido. E olhando por detrás, eu estive lá oito vezes. Está coberto agora com um cofre, mas me deixaram. Se vê, através dos buracos do cobertor, coisas que os índios pintaram em cima, o anjo, aquelas coisas em preto que pintaram e tal, se vê. Mas a imagem não se vê, se vê o público. Então, pesquisadores norte-americanos comprovaram.

Primeiro 1751…

Naldo: Padre… Só uma pergunta sobre isso. É uma pergunta do público da internet. Onde estão os dados desse estudo do Richard Kuhn?

Quevedo: Está tudo lá na basílica. A antiga basílica que estava se afundando, mas agora já seguraram e a converteram em museu. Então, esses dados estão escritos lá. Nem vegetal, nem mineral, nem animal, nem sintética. [O estudo da] Kodak também está lá, não é foto, não impressionou o tecido. Estava dizendo, por detrás é transparente e se vê só o que os índios acrescentaram e o público, mas a imagem não se vê nada.

Então, parapsicólogos norte-americanos:

– Mas como é isso? – [não acreditavam].

Então foram ver e encontraram outra surpresa. Entre o cobertor… Entre o aiate e o que os índios pintaram, se passa com raios laser. Está no ar! E não tem nada.

Naldo: Esses dados também estão no museu?

Quevedo: Tudo lá. E em vários… Temos aqui na biblioteca livros de pessoas que estudaram isso e citam todos os dados. Livros que se publicaram na época e tudo o que se conserva agora.

Então, em 1751, nenhum traço de pincel, nem de instrumento. Em 1989, 40 fotos em infravermelho e 60 fotos por computador e não tem esboço embaixo, nem preparação para pintar e não há a mínima correção, fora o que os índios acrescentaram. Onde acaba uma cor começa outra. Não tem uma coisa sobre a outra, é tudo perfeito. O manto está em relevo, então, em algumas curvas… [Quevedo levanta-se]

O manto que está em baixo e por cima tem estrelas retas porque por cima do manto tem outro manto transparente.

Se vê cabelo por cabelo em relevo, cílio por cílio. E ao analisar os cílios houve um pesquisador que disse que…

Ah já me lembrei do nome daquele espanhol que soltou a bomba… Foi dia 14 de novembro de 1921, o tal do Luciano Pérez por ordem do governo de Plutarco. Voltando ao tema, você depois vai corrigir, não importa, não é?

Voltando ao tema. Como é que se conserva tudo isso aí?

Houve um pesquisador que disse:

– Eu deixei a minha fé na porta.

Ele era praticamente ateu. Não ateu, mas… Não praticante. E entrou para ver e se concentrou nos olhos, a ver os cílios.

– Luz! – pediu, e a retina [da imagem de Nossa Senhora] se fechava.

– Menos luz! – solicitou, e a retina [da imagem de Nossa Senhora] se abria.

Isso já havia sido pesquisado por outros parapsicólogos. E este:

– Não pode ser! – [duvidava] e foi lá para ver – Que nada, esses são católicos. Parapsicólogos católicos. Eu vou lá ver.

Então ele acabou comprovando e fez uma análise do olho vivo, que reage. E em certo momento pediu:

– Senhora, queira olhar um pouquinho mais para cima? – E nem caiu na conta de que estava analisando uma pintura. Então, ele e outros depois, foram para ver, tocar… E tem pulso! E tem temperatura!

Até 1647 esteve desprotegida, 116 anos. Então, aguentou as velas, a umidade do lago Texcoco que estragou madeiras, prata, até ouro. O bronze não aguenta mais do que um século naquela umidade. E ela aguentou desde então.

Agora está, desde 1753, protegida por um vidro a prova de balas, porque… Em 25 de maio de 1759, o ácido para corromper metais… Luciano Pérez, 14 de novembro de 1921…

Bom. Os olhos, ampliando dez vezes é apenas perceptível que tem uma imagem no olho. E então, pensaram que seria Juan Diego. Ampliando 25 a 50 vezes, claramente se vê um homem com barba e a mão direita na barba e a mão esquerda na espada, olhando para o lado.

Em 1981, o doutor Aste Tonsmann – todos esses dados constam lá [na antiga basílica que hoje é um museu] – fez uma ampliação, dividiu os olhos, usando grandes computadores da NASA, em 27.778 microquadradinhos. E cada microquadradinho os ampliou até 2.000 vezes. Então se vê, em ambos os olhos, a imagem, no lugar, na curvatura, no relevo, nas cores, se vê num canto um índio sentado com seu calção, um larete. Mais a esquerda desse índio se vê Juan González, mais um Juan. Juan González, o intérprete. Depois do Juan de Zumárraga, o bispo. Depois, São Juan Diego fazendo assim [Quevedo gesticula a posição em que o índio abriu o aiate e despejou as rosas de Toledo]. E depois, uma negra. Aí os pesquisadores:

– Não pode ser!

Porque nas leis espanholas da época quem matasse outra pessoa ganharia a perpétua. Mas quem fizesse um escravo, pena de morte. Então, como podia haver uma negra no México? Então, pesquisaram, pesquisaram e se comprovou que os portugueses tinham dado a Hernán Cortez [conquistador espanhol que derrubou o Império Azteca] uma escrava como presente. Hernán Cortez não podia recusar, mas também não podia ficar. Então deixou com Juan de Zumárraga que, a tinha como mordoma do Palácio.

Depois [voltando para a ampliação dos olhos da imagem de Nossa Senhora de Guadalupe] se vê um espanhol, que não se sabe quem é… Esse que segura a barba está com a mão esquerda na espada olhando para lá… E na menina dos olhos tem uma família de índios. A índia segurando um bebê sobre um pano [nas costas] tem a mão direita sobre uma menina, de frente um índio. Tanto este índio como Juan Diego usam um chapéu de cone, que usavam na época para gala.

Ambos os olhos têm tripla imagem, em relevo, a cores… Que que é isso, não é?

E houve outros inúmeros milagres. A imagem do olho direito é igual a do olho esquerdo. No olho de Juan de Zumárraga se vê Juan Diego. No olho de Juan Diego se vê Juan de Zumárraga. No olho do índio se vê toda a cena. Algo fantástico.

Naldo: Padre, mais duas perguntas: As 60 fotografias para computador e as outras 40 em infravermelho estão acessíveis ao público no museu?

Quevedo: Sim.

Naldo: Outra dúvida, que é uma dúvida de algumas pessoas que acessam a internet, que leem essas histórias e dizem:

– Ah… Isso aí é… Cada um vê o que quer nisso aí…

Quevedo: Quem afirma experimentou, comprovou, com toda a aparelhagem e tem os documentos lá. Quem nega, nega porque não lhe cabe na cabeça. Não tem nada na cabeça, é idiota. Nós não podemos estudar as coisas por preconceito, isso não é científico. Temos de despirmo-nos de tudo e a partir da realidade tirarmos as ideias. Não por preconceitos, negar a realidade, como fazem esses senhores com isso aqui e em outros casos.

– Não, não pode ser! – dizem. E começam a inventar.

Recentemente um, atacou o lençol de Turim…

Naldo: Depois uma leiga foi lá e disse:

– Vocês tiraram a amostra do lugar errado.

Quevedo: Não lhes cabe na cabeça, então, negam e inventam. Provem o que estão afirmando! E o que se afirmava contra você está comprovado. Provem! E refutem todo o outro! Esses que negam que provem o porquê negam. Não lhes cabe na cabeça. Cabe na cabeça de um pernilongo.

Naldo: Padre, o senhor poderia explicar o que significam aqueles códigos que estão no vestido da Virgem?

Quevedo: Ya… É uma simbologia azteca. Eles entendem. E eu entendo alguma coisa, mas é muito difícil de entender. O assunto é que quando se comprovou o milagre, Juan de Zumárraga… Inclusive o milagre do índio, que estava numa procissão e os índios celebravam com flechas e uma flecha atravessou o pescoço de um índio que morreu, acabou a festa. Mas chegando na ermida, a flecha pulou, o índio se levantou, mas ficou uma marca. Isso é muito típico em Lourdes. Sempre fica uma marca, sem estragar nada, mas para que se comprove durante toda a vida. E quantos testemunhos, muitos dos quais, estão escritos até hoje, se conservam até hoje.

E, então, eles entendem… É uma explicação completa de toda a doutrina católica. E então, se batizaram 10 mil índios por dia, numa época em que Lutero afastava tantos milhões de pessoas do catolicismo e… Nossa Senhora [trazia]… Outros milhões. Todo o povo azteca, até hoje, impossível encontrar um índio azteca pagão. E [por conta dos códigos no vestido] se entendeu o catolicismo e os franciscanos batizaram 10 mil por dia, sem precisar instruir, porque aí havia todo o comprovante e eles entendiam. Que mais?

Naldo: Tem uma rosa ali no meio do vestido…

Quevedo: Acima?

Naldo: Na parte de baixo.

Quevedo: Onde? [Quevedo levanta-se e aponta para a parte da imagem onde há um anjo]. Isso foi acrescentado. E nos arabescos tem uma rosa que para mim não significa nada, isso eles que entendem. E, os deuses dos aztecas reverenciando-a. Mas ela não é deusa. Ela está com as mãos juntas adorando o fruto do seu ventre. Porque quando a rainha dos aztecas estava grávida colocavam um pano branco e aqui está preto porque foi pintado. Adorando a quem? Está grávida. Imagine Nossa Senhora grávida, isso é imaginação do índio. Aqui em cima tem uma cruz, tal como estava nos estandartes dos espanhóis. Toda a mentalidade do índio e suas preocupações, mas, Deus fez o milagre da impressão até hoje.

– Ah! Mas que imaginação! Que imaginação! – [duvidam].

Como é que se conserva esse aiate por tantos séculos? Como é que tem temperatura? Como é que tem esses olhos vivos? É um milagre atrás do outro. Além da quantidade de milagres que há em Lourdes, em Guadalupe.

Bento XIV estudou. Bom, ele não estudava nada e sabia tudo por ciência infusa. E a respeito de Guadalupe diz que tantos milagres como Deus fez, assinando… Não fez Deus com nenhuma outra nação.

Então, esses que negam que expliquem os milagres, que expliquem essas coisas, que refutem.

– Não pode ser. – [falam].

Vai estudar! Com teoria não se vai contra os fatos, porque dos fatos é que se tiram as teorias.

Naldo: A Igreja disponibiliza o poncho para mais análises com equipamentos mais modernos?

Quevedo: De vez em quando. Muito raramente. Eles dizem:

– Não tentar a Deus.

Há muitos milagres, mas não vamos provocar. Se da primeira vez não conseguimos, então, Deus sabe o que vai fazer. Durante anos permitiu, muito. E quando vem um pesquisador como esses que estou citando aqui em 1981, permite. Senão, está tudo hermeticamente fechado para que não se repita aquele espanhol… Não aconteceu nada, mas não vamos tentar a Deus.

Naldo: A gente sabe que antes dos espanhóis chegarem à América, os índios tinham uma religião. Eles decapitavam, sacrificavam pessoas…

Quevedo: A imagem de Nossa Senhora de Guadalupe está ao lado do lago Texcoco e em frete está, se passa, ao monte Tepeyac. Na parte de cima no Tepeyac havia uma igreja deles onde matavam meninas de 15, 16 anos.

E o que significa Guadalupe? Significa “perdida no rio”, porque na Espanha, na época dos Mouros, jogaram uma imagem e a encontraram no rio. Mas o nome [de Nossa Senhora de Guadalupe] era Tequatlaxopeuh, que significa: “aquela que afugentou os que nos matavam”. E onde foi vista, em Tepeyac, matavam as meninas de 15, 16 anos e ofereciam aos seus deuses. O deus Sol.

E foi para Juan de Zumárraga:

– Nossa Senhora de Tequatlaxopeuh, Tequatlaxopeuh, Tequatlaxo… Te… Te… Te… Tequatlaquê? – [Zumárraga não conseguia pronunciar].

Então, ficou Guadalupe que era mais fácil. Mas na realidade é Nossa Senhora de Tequatlaxopeuh, e assinada com tantos milagres.

Naldo: Na opinião do senhor, porque Deus faz esse tipo de milagre? Para convencer os ateus?

Quevedo: Isso é a minha especialidade. Além de quatro livros sobre os milagres, alguns dos quais estão aqui [Quevedo levanta-se para mostrar alguns livros]: “Milagres – A Ciência Confirma a Fé” e “Os Milagres da Ciência”. Além destes dois livros, tenho outros. É a minha especialidade, não é. E se quiser um resumo, basta esse: “Alguns Milagres”.

Então, os milagres são muitíssimos. Milhões e não estou exagerando. Estou publicando no site, publique o site: www.clap.org.br. Já publiquei cinco, seis livros sobre os milagres e tinha planos, fichas [Quevedo abre algumas gavetas] preparadas para os 12 volumes sobre os milagres, mas vou publicar no site.

Toda uma doutrina e só ela, está assinada por milhares de milagres. Toda ela e cada item. Eucaristia, quantos milagres. Devoção a Nossa Senhora, quantos milagres. Intercessão dos santos, mesmo em vida, quantos milagres.

Imagens… Os protestantes, com boa vontade:

– Ah, mas isso é idolatria. – argumentam.

Não há nenhum católico tão ignorante, nem tão bobinho, que adore uma imagem. Adora o que a imagem representa, se ele é Cristo, tal. E veneram ao que a imagem representa. Mas nos atacam dizendo que nós adoramos imagens. Atacar sem argumentos… Ninguém acredita que adora uma imagem. Mas as que estão proibidas na Bíblia, as imagens com ídolos que eram considerados deuses e [o povo] adorava essas imagens… Isso é o que está na Bíblia, isso é o que se condena. E há tantos milagres de cada imagem.  Então, tudo, tudo, tudo, temos milhares de milagres, toda a religião e cada item. E só ela.

Em debates com protestantes, exotéricos, ocultistas, tenho que dizer a verdade. Não estou querendo molestar, pelo contrário. Quero que reflitam para ver qual é a religião que apresenta um milagre.

– Todas as doenças têm origem no demônio. – [afirmam alguns pastores].

Fizemos um inquérito com 4.000 pastores evangélicos que expulsam os demônios e quando eles estão doentes, nenhum vai a outro pastor para que lhe expulse o demônio. Vão aos médicos, por que será?

Temos tantos milagres, por exemplo, Pierre de Rudder. Cortaram a perna, enterraram a perna e, rezando a Nossa Senhora, recuperaram a perna. No sepulcro só ficaram os sapatos. (…)

Naldo: Qual a mensagem final do senhor para o público da internet?

Quevedo: Queridos que gostam tanto dos computadores, com todo carinho: O Brasil é o país mais supersticioso do mundo. Cinquenta e seis mil religiões, e seitas, e cada vez aparecem mais. Qualquer iludido, ou qualquer sem vergonha, pode infundir uma loucura localizada e manter ou outros convencidos disso.

Então, porque sou mais brasileiro do que vocês. E porque sou brasileiro há 50 anos porque eu escolhi, me naturalizei. E porque ninguém é perfeito, tenho mais 29 anos de espanhol. Com todo carinho, Brasil: Estuda!

Tenho me dedicado a escrever, escrever, escrever… No site, nosso, www.clap… Clap é a sigla de Centro Latino Americano de Parapsicologia. Então, www.clap.org.br. Aí estou publicando milagres e milagres, refutando todas as superstições e confirmando a verdade. Isso é parapsicologia, o estudo da realidade. E depois cada um interpreta como quer. Cinquenta e seis mil religiões, interpretações, há outros que negam.

Estudo! E a partir da realidade é que se tira essa conclusão de que só o catolicismo é inteiro e cada item está assinado por milhões de milagres. Isto é muito importante. Estamos de passagem, essa vida é nada. Nós somos eternos. E então, absorvidos por estas coisinhas…

Acordem! Estudem parapsicologia, estudem os milagres, analisem o site do Clap, leiam os livros do Clap que estão indicados no site e então vocês deixarão as superstições e compreenderão a verdade que, estamos nesse mundo de passagem. É realmente lamentável esquecermos a eternidade e ficarmos absorvidos por esta vidinha.

Naldo: Muito obrigado padre. Essa entrevista foi muito interessante.

Quevedo: E agora, se você não escolher bem e não publicar bem apanha um feitiço de padre (risos).

Anúncios

Sobre Naldo
Jornalista e escritor.

81 Responses to Pe. Quevedo comenta o fenômeno de Nossa Senhora de Guadalupe

  1. Ricardo Toledo says:

    Só podemos seguir um dos senhores: ou seguimos a Bíblia – a palavra de Deus, ou seguimos uma outra coisa. Queria saber onde encontrar a “nossa senhora” na bíblia e os seus milagres. Se estiver na bíblia, seguimos e, se não estiver..!? Sigam a antibíblia, que significa antiDeus.
    Lá em Mateus tem uma palavra que diz que (+ ou -) “.. ele fará sinais e prodígios que enganará até os escolhidos”, ou seja o diabo fará milagres para alguns, que acreditarão que é Deus. Lembrem-se que até Jesus afirmava que Deus fazia milagres, só tinham que crer que Ele é o Caminho, a Verdade e a Vida!
    Agora, mesmo se milagres existissem na versão pe Quevedo, a Ihgreja Católica apenas se apropria dos fatos e das coisas milagreiras, não significa que faz parte deste mlagre. Se apropria por ser forte, poderosa e trilhonária! Os milagres não são de ninguém, a não ser de Deus.
    E este pe Quevedo é apenas um sofista.

    • Everton says:

      Tudo falácia o que vc diz, Ricardo, repetindo as mesmas sandices que Lutero e Calvino formularam e espalharam inadvertidamente! Maria é santa e imaculada, é a única mãe virgem que existiu na face da terra, porque assim Deus Pai quis, por obra e milagre do próprio Deus, e não dela mesma. Leia a Bíblia direito que lá vc vai encontrar td isso. Nossa Senhora não é deusa, mas é a Mãe de Deus, do Verbo Encarnado, por isso está acima dos anjos e de todos nós seres humanos, pobres pecadores.

    • Carlos Ferreira says:

      Quanto ignorância desse Ricardo Toledo.
      Você já se perguntou quem inventou a sua religião? E quando? Certamente foi um pastor que deve estar milionário às custas dos dízimos dos bobocas ignorantes que frequentam seu templo.
      Segundo; quem lhe falou que tudo está na Bíblia? Vá estudar analfabeto! A Biblia é para ser estudada. Interpretar a Bíblia ao pé da letra é falta de respeito à Bíblia.
      Nós católicos, por sermos da religião de Cristo, temos conosco a sagrada Tradição que complementa a Bíblia. NEM TUDO ESTÁ NA BÍBLIA!!! Já aprendeu?
      Se você parar de falar bobagens e estudar a Bíblia, vai encontrar no Apocalipse de São João, que haveria muita coisa para escrever e que não caberia em todos os livros do mundo. Portanto, ele quis dizer justamente isto: A TRADIÇÃO CATÓLICA COMPLEMENTA A BÍBLIA. Você é daqueles que pensa que a Bíblia foi escrita em um determinado dia, depois, encadernada.
      Se você começar a estudar a Bíblia, apenderá sobre o papel importantíssimo que NOSSA SENHORA, a mãe de Cristo, portanto, MÃE DE DEUS teve no plano da salvação.
      ESTUDE!!!!!

  2. Josefa says:

    Por que vocês discutem? Cada um viva do seu jeito. Deus respeita a todos. Por que vocês não se redpeitam? Não gosto de religião, vocês todos são uns fingidos e fingidas, vão fazer o bem sem olhar a quem. Deixem de discussão infrutífera.

  3. Carlos Pereira says:

    Quanta asneira! Esse Wellington perdeu a oportunidade de ficar calado.

  4. Wellington Silva says:

    Toda religião é um lixo, espero que elas se destruam, umas as outras até acabar todas.

    Teu ser imaginário só existe na tua cabeça e morre contigo!

    “E se deus existisse , Até ele mesmo não saberia do onde veio?”

    “Nenhum testemunho é suficiente para
    comprovar um milagre, a menos que
    o testemunho seja de tal natureza que
    sua falsidade seria mais milagrosa que
    o fato que ele procura comprovar.”
    David Hume

    “Se você se sente ameaçado
    ou ofendido por pessoas
    discordando, desafiando ou
    mesmo ridicularizando sua fé,
    ela não deve ser tão forte.”

    “Sim, eu tenho uma prova
    de que Deus não existe.
    É perfeita e irrefutável.
    Mas eu não vou mostrá-la.
    E você não pode vê—la ou
    detectá-la de nenhuma
    forma. Você também
    não pode deduzi-la pelas
    leis da lógica. Você pode
    até alegar que eu não
    tenho tal prova, de fato.
    Mas você não tem provas
    de que eu não a tenha.
    Soa
    familiar?”
    Rume Friborg

    • Carlos Pereira says:

      Quanta estupidez!!

    • gean says:

      pelo amor de DEUS IDIOTICE Tem limite esse wellingnton passou do limite!!!!

    • gilson says:

      Ser ateu não é uma decisão racional e sim moral. O ateu já decidiu ser o que é .Besta é quem tenta convense-los. Deus respeita a decisão deles de irem pro raio que o partam.

      • Desde o último juiz Samuel, Deus deu aos homens LIVRE ARBÍTRIO!!

    • cris says:

      que nossa senhora mostre o caminho para você amem

    • c.p.ferreira says:

      Quanta asneira esse cris produziu!

    • Welington, vê se você se converte. O inferno está cheio de gente igual você! São mais de 25.000 almas que se precipitam ao inferno todos os dias!!

  5. Carlos Pereira says:

    Que Deus continue abençoando o Pe.Quevedo e lhe dê muitos anos de vida pois a Igreja precisa muito dele.

    • Realmente, Carlos. A IGREJA precisa muito de padres feito Quevedo. Sou seu fã!!

  6. impressionante essa história!

    • Railene Silva, Guadalupe? A única no mundo que a IGREJA nunca duvidou; por causa das provas reais e não são refutáveis.

  7. sissi says:

    Só queria dizer que o Amor que temos a Maria Mãe de Jesus, é algo inesplicavél está na alma. Ninguém me ensinou a amar Maria ,esse amor terno surgiu quando comecei a conhecer e ler o Evangelho e desconbri que bom tê-la como minha Mãe. E o melhor de Maria é sua entrega incondicional a vontade de Deus,sua obediência e seu silêncio que nos ensina tanto!!!
    Para as pessoas que não a tem como sua Mãe,tenha ao menos respeito com a Mãe do Senhor Jesus que acompanhou o sofrimento do seu Filho diante da cruz e em nenhum momento questionou a vontade do Pai Eterno!!!

    • alberto fonseca says:

      Se a Bíblia é de Deus,apesar das infinitas interpolações escritas pelo homem,é só consultar os Atos dos Apóstolos.É tudo interferência de espíritos,como,aliás,foi escrita a maior parte do livro.O Padre Quevedo deveria saber que o Império Romano contaminou o Cristianismo com seu paganismo,isto é,altares,oferendas,velas,incensos e procissões/o culto externo.O homem só não mexeu no Apocalipse,porque João ameaçou.No Concílio de Niceia,dirigido pelo imperador e com bispos menos esclarecidos,”os filhos passaram a pagar pelos erros dos pais”.O senhor Quevedo deveria saber também que,em profecia,mulher é uma religião e que prostituta é a noiva que trai o noivo,ou seja,Cristo.A mulher deitada sobre sete montes é a Santa Sé,que fica na cidade das sete colinas.Ou seja:Roma.A cor púrpura a que se refere o Apocalipse é a cor predominante na indumentária dos cardeais.Quem tiver “ouvidos para ver”,raciocine!Sem fanatismo!Graças a Deus!A GRANDE PROSTITUTA

      • alberto fonseca says:

        NON ECXISTE-Se o Padre Quevedo for coerente,já que não acredita em espírito,apesar de espírito ser figura predominante na Bíblia,deveria responder sobre Deus,que também é espírito:”Isto non ecxiste!”

      • Célia Viana says:

        Sr. Alberto, se a mulher é considerada um ser maldito em professias do Apocalipse, como se explica que Jesus, o Filho do Altíssimo tenha nascido de uma mulher, ou seja, feito homem, mas sendo gerado como herdeiro da natureza divina.? Acho que um filho deva honrar seus pais e mais ainda sua mãe que o nutriu no ventre. Acho sua comparação da Igreja Católica a uma prostituta uma heresia pois nos templos católicos fazemos louvor em honra e glória à santíssima Trindade (o Pai, o Filho e o Espírito Santo). Creio que a Mãe de Jesus intercede por toda a humanidade junto ao Seu Filho Jesus, para que ele faça sua obra de conversão e leve todods ao arrependimento de seus pecados. Quando vejo a Igreja de Cristo (católicos e evangélicos) irmanados na graça da mesma fé, percebo que a grande prostituta, como a pecadora caída resgatada pelo Mestre, obteve a redenção de seus erros na história humana. Disse Jesus, onde houver dois ou três reunidos em meu nome, estarei com eles. Enviarei o Espíríto Santo paráclito para vos conduzir e consolar.

    • Sissi, da forma que você diz que conheceu Maria e se apaixonou por ELA, então procure ler o Evangelho Secreto de Nossa Senhora e então irás chorar do início ao fim de tanta alegria e amor!! Uma História maravilhosa, a MÃE de Jesus narrando toda sua vida em casa e a vida de Jesus!!

    • Pq o Quevedo não explicou então a origem da pintura e todos seus de
      talhes e comprovações cientificas….

  8. Roni says:

    Padre só uma pergunta o senhor acredita em Deus?

  9. Neide Marques says:

    A IGREJA MAIS CERTA E SAUDAVEL E MILAGROSA E A DO….. BISPO MACEDO QUE USA ROSAS, LENÇOS OLEOS, ARCOS, SAL E SEI MAIS LÁ O QUE, BANDO DE IGNORANTES, SÃO COMO CRIANÇAS QUE AINDA NÃO SABEM O MISTERIO DA FÉ E FICAM DISCUTINDO, CITANDO PALAVRAS BIBLICAS INTERPRETADAS POR MENTES QUE DESCONHECEM OS MISTERIOS DE DEUS, FÉ NÃO SE EXPLICA SEUS IGNORANTES, FÉ SE SENTE, SE VIVE NO DIA A DIA A CADA NASCER E POR DO SOL, SE SÃO TÃO SÁBIOS? ME EXPLIQUEM O MISTERIO DA VIDA…..
    VÃO TER INTIMIDADE COM DEUS QUE VOCÊS APRENDERÃO MAIS…

    • CArlos Ferreira says:

      Neide
      Por existirem pessoas ignorantes como você é que existem pessoas multimilionárias como o Edir Macedo.
      Vá em frente. Continue dando dinheiro pra ele e seus pastores enganadores.

    • Cláudia Coelho says:

      Neide, não seja tão tola! pois como você pode acreditar em Edir Macedo e não acreditar na mãe de Jesus! Abra seus olhos os dias do acerto com Cristo estão chegando, cuidado, pra que você não fique de fora. Creio que cada protestante que critica a mãe de Jesus, crava mais um espinho em sua cabeça, ou uma espada em seu coração, pense nisso! Se você não ama Maria, em nome de Jesus a respeite.

      • Impossível amar Jesus e não amar Maria; os dois se fundem. Tanto que na Santíssima Trindade, Maria faz parte com Jesus. Maria Santíssima é o CÁLICE que nos apresenta Jesus, seu FILHO muito amado!!

  10. Carlos Alberto P Ferreira says:

    Parabéns pela entrevista, Naldo. Não há dúvida que você é um excelente jornalista.
    Sou aluno do Pe.Quevedo e divulgador dos fatos de Nsa. Sra. de Guadalupe.
    Abraço a todos os participantes deste “bate-papo”.

    • Naldo says:

      Obrigado!

  11. Antonio José says:

    Admiro o empenho e o conhecimento científico do Pe.Quevedo, e o enorme serviço à fé que a parapsicologia tem prestado. Mas ao mesmo tempo ficamos indignados com o modo como ele se expressa, pois dá-nos a impressão de um demiurgo, parece não dar margem para mais nada além daquilo que ele acredita e defende com tanto afinco e “critério”. A tal respeito, e sem emitir nenhum veredito, aconselho um aprofundamento no site:

    http://www.youtube.com/watch?v=1JCiEKxi1Mk&feature=related. Observem a foto infravermelho no tempo 16’52”.

    “A glória dos homens é descobrir as coisas, a glória de Deus é Ocultá-las”, sobretudo aos poderosos deste mundo! Nós te louvamos ó Pai, porque as ocultastes e as revelastes aos pequeninos (Mt 11,25)!

  12. Penélope Machado Tabatinga says:

    Não dá para ouvir bem o vídeo, mas o texto está bom. Vi em outras entrevistas de Pe. Quevedo que o milagre de Guadalupe tem a assinatura de Deus, mas o de Fátima, não. É isso mesmo? O de Guadalupe não deixa de ser, além de outras coisas, um grande privilégio para nós, ameríndios.

  13. David says:

    Eu concordo em parte, pois tudo bem que esse caso da aparição da nossa senhora era mentira porque não era Maria mãe de Jesus e sim Satanás ou seus anjos rebeldes se fazendo passar por Maria para enganar esse pobre coitado desse índio e até hoje o inimigo faz o mesmo usando a aparição de espíritos de pessoas ou ente-queridos ou amigos que já morreram para enganar muita gente. Nos últimos dias Satanás se personificara até do próprio Cristo ou seja imitará a volta de Cristo e enganarão muita gente.

    Pois eu aconselharia ao Padre Quevedo com todo respeito que tenho com ele para que ele não brincasse com o Diabo e com Deus porque dizer que espritos não existem é mentira, pois existem, pois Satanás e seus anjos Maus se personificam nesses espiritos de pessoas que já morreram para enganar muita gente e ele tá conseguindo um grande êxito.

    • Neide Marques says:

      QUANTA IDOLATRIA A SATÃ

      • mariah says:

        A tua soberba está na bíblia: ” Eis que se jactam à boca cheia tendo nos lábios só injuria…que eles surpreendidos em sua arrogância sejam as vítimas de suas próprias calunias e maldições – (salmo 59.8-10). Quando está explícita a assinatura de Deus nos milagres da Unica Igreja fundada por Cristo, eles sem medo da justiça divina, dizem é do diabo. Certas só as igrejas deles fundadas por homens, mil dois mil anos depois da Cristã Católica. Que foi a única também que cometeu excessos na era medieval, pelo simples motivo de ser a única Igreja cristã existente.

      • Carlos Pereira says:

        É isso, Neide, idolatre o Edir Macedo, dando-lhe mais dinheiro, pois, afinal, ele precisa manter o jatinho dele de R$74.000.000,00.

    • David, preste bastante atenção na Doutrina da Igreja. Todos os testemunhos e aparições de Maria Santíssima são verdadeiros, não nos levam à outro rumo, mas sim somente ao Senhor Jesus. As aparições seriam falsas se nos conduzissem às drogas, prostituição, às sacanagens, ao inferno, mas não! Nos levam para o Céu, à Jesus. Conseguiu perceber qual é a escência da verdade? Se não consegue ter entendimento, que o Senhor Deus interceda em seu ESPÍRITO, fazendo tua conversão!!

  14. claudia says:

    Tudo o que a querida irmã Helenize disse sobre NOSSA SENHORA me comoveu até as lágrimas!!! Quizera que todos pelomenos respeitassem o que MARIA realmente representa para o plano da nossa salvação sendo ela a mãe de” DEUS FILHO.”
    Mas, esta breve vida é assim,nem todos crerão,nem todos respeitarão e poucos estarão face á face com JESUS na morada preperada para todos queles que nesta breve vida confiaram e tiveram FÉ no DEUS vivo.
    E Como se é dito no “Pequeno príncepe”:-O essêncial é invisível aos olhos!!!

  15. mfranmario says:

    Legal!!
    O Quevedo está certo;
    Espíritos NON ECZISTEM!!!

  16. leandro says:

    Estudei dois anos de parapscologia com Quevedo e sua equipe aqui em Sampa e afirmo categoricamente que este sacerdote sabe o que fala!!!!

    • Naldo says:

      Oi, Leandro. Como vai?

      Fique a vontade para falar mais sobre esse curso de parapsicologia do padre Quevedo.

      Obrigado pela participação!

  17. SOU UMA FILHA DE DEUS E VEJO AS PESSOAS DIZENDO QUE NOSSA SENHORA,NAO FAZ MILAGRES,TENHO ELA,E OS EVANGELICOS NAO ACEITA,PORQUE SERA?

    • Naldo says:

      Oi, Cilene, tudo bem?

      Muito obrigado pela sua participação nesse fórum.

      Abraço!
      Naldo

    • josedeandrade says:

      minha amiga vc mesmo é a resposta ,vc a comprou teve q trazer carregada, esta muita tempo no canto da casa empoirada, tem sempre q, limpar ja ajoelhou muito em frente, dela ja acendeu muitas velas ,flores, promessas, depois de muitos e muitos anos, ficou velho desbotado e quebrando teve q jogar fora, vc fez tudo pra ela, oq ela fez por vc

    • GEAN says:

      CARA CILENE EU ENTENDO A SUA REVOLTA POIS NAO E FACIL OUVIR COMENTARIOS TAO FORTES SOBRE AQUILO O QUE VOCE ACREDITA SER VERDADEIRO COMO POR EX; A SUA FE M O PROPRIO SENHOR JESUS DISSE CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARA E A VERDADE E A PALAVRA DE DEUS (JOAO cap 17v 17) E ELA DIZ EM 1 TIMOTEO cap2 v 5 POIS HA UM SO DEUS E UM SO MEDIADOR ENTRE DEUS E OS HOMENS JESUS CRISTO HOMEM QUE SE ENTREGOU PARA RESGATAR A TODOS (ate porque ela nao tem como ouvir as peticoes dos seus devotos para isto ela teria que ser onisciente , e unipresente e esses atributos so pertencem ao pai ,aofilho e a o espirito santo anao ser que ela seja igual aos treis e no caso nao seria mais uma trindade e sim um quarteto isso sem falar nos demais padroeiros jao 14V 6 e disse o senhor jesus eu sou o caninho a verdade e a vida e ninguem vai ao pai anao ser por mim)pb GEAN

      A PAZ DO SENHOR

      • Caro Gean, suas questões são as mais velhas, banais e batidas do protestantismo. Em Timóteo vemos São Paulo apenas falando que Jesus é o único mediador quanto Redentor do mundo, e isto todos nós católicos concordamos. É só pelo seu sangue que somos salvos, só por intermédio DEle. São Paulo nunca negou a intercessão (cf. Col. 1, 3; Rom 15,30) Veja o que ele diz no mesmo capítulo: “Recomenda que se façam preces, orações, súplicas e ações de graças por todos os homens…” (I Tm 2,15)

        E agora, como é que ela conhece as nossas súplicas?! Teria que ela ser onisciente e onipresente para isso? Como os grandes doutores da Igreja não pensaram nisso, brilhante Gean? Será que mesmo o padre Quevedo nunca se interrogou sobre isso?
        A resposta é simples, caro Gean, ela conhece as nossas súplicas porque Deus as dá a conhecer. Deus onisciente e onipresente comunica, seja por revelação ou pela visão do Verbo. Simples assim. O grandioso fato dos santos estarem em visão beatifica, possibilita isto. Santo Tomás ilustremente explica:
        “Ora, a perfeição da beatitude exige que o homem tenha tudo quanto quer, sem nada querer desordenadamente. Ora, queremos com razão reta conhecer o que nos concerne. Por onde, os santos, retos por excelência, hão de querer conhecer o que lhe diz respeito. E isso é necessariamente no Verbo que conhecerão. Ora, contribui-lhes para a glória prestar auxílio aos que deste precisam, para salvar-se. E assim, tornam-se cooperadores de Deus, a mais divina das cooperações, na expressão de Dionísio. Por onde, é claro que os santos tem conhecimento do necessário à esse ministério. E assim é manifesto, que no Verbo conhecem os desejos, as devoções e as orações dos homens, que lhes pedem auxílio.”

        A paz.

        • CARO NELSON VEJO QUE VOCE SE ACHA MUITO SABIO MAIS ISSO QUE VOCE CHAMA DE QUESTOES VELHAS E BANAIS EM( ROMANOS 1V16) O APOSTOLO PAULO DIZ QUE E O PODER DE DEUS PARA A SALVACAO DE TODO AQUELE QUE ACREDITA( JOAO 5V39 )O SENHOR JESUS DIZ CORRIGI AS ESCRITURAS PORQUE ACHAIS TER NELAS A VIDA ETERNA E ELAS MESMA FALAM DE MIM( ROMANOS 1V22) DIZ PRETENDENDO SER SABIOS TORNARAM SE TOLOS( V23) TROCANDO A GLORIA DO DEUS IMORTAL POR ESTATUAS DO HOMEM MORTAL COMO ESTA ESCRITO EM (MARCOS 8V18) TENDO OLHOS NAO VEEM E TENDO OUVIDOS NAO OUVIS (assim e todo aquele que quer ser sabio aos seus proprios olhos por mais que estudem a biblia nao entendem a vontade de Deus por mais que a gente pregue a palavra nao nos dao ouvido) E SOBRE A INTERCESSAO QUE O APOSTOLO PAULO FALA EM( 1 TM 2V 15) ELE TA FALANDO A IGREJA AOS IRMAOS QUE ESTAO VIVOS MIM MOSTRE ALGUMA REFERENCIA BIBLICA EM QUE OS APOSTOLOS FALAM A IGREJA PARA ORAREM AOS SANTOS PADROEIROS PEDINDO QUE ELES INTERCEDAM POR NOS DIANTE DE DEUS PELO O QUE EU SEI NO LIVRO DE JEREMIAS 29V12DIZ QUANDO VOCES MIM EMVOCAREM REZARAO A MIM MATEUS 6V 6 DIZ MAS TU QUANDO ORARE
          S ENTRA EM TEU QUARTO E FECHANDO A PORTA ORA A TEU PAI QUE VE O QUE ESTA OCULTO E ELE TE RECOMPENSARA (*JOAO14V13) O SENHOR JESUS DIZ E TUDO O QUANTO PEDIRDIS EM MEU NOME EU FAREI PARA QUE O PAI SEJA GLORIFICADO NO FILHO(V 14)O SENHOR JESUS REFORÇA SE PEDIRDIS ALGUMA COISA EM MEU NOME EU O FAREI(A BIBLIA NAO MENSIONA NEM UM INTERMADIARIO) E SOBRE O PADRE QUEVEDO E OS DEMAIS ESTA ESCRITO QUE DEUS OCULTOU A SUA SABEDORIA DOS SABIOS E ENTENDIDOS E REVELOU AOS PEQUENINOS (MATEUS 11V25 ) E SOBRE A REVELACAO QUE SEGUNDO VOCE DISSE QUE DEUS DA AOS SANTOS PADROEIROS MIM MOSTRE NA BIBLIA ALGUMA REFERENCIA

        • Carlos says:

          Gean
          Me mostre na Bíblia, algum trecho que diga que aqueles que na Terra foram fiéis discípulos de Cristo, perdem após a morte, a intimidade com Deus, o privilégio da atenção de Deus. Nós católicos acreditamos que esta intimidade com o Pai é incrementada ainda mais, após a morte.
          Outra coisa: a Bíblia tem sido usada pelas seitas comerciais e algumas igrejas protestantes, como um livro mágico para satisfazer as interpretações pessoais dos “pastores”. Saiba que a Bíblia é um livro histórico e deve nos revelar o amor, a misericórdia do Pai.

        • Neide Marques says:

          O MEDIADOR É JESUS, MAS A INTERCESSORA É MARIA, MUITA PAZ AO SEU ESPIRITO…

      • GEAN says:

        CARLOS voce tem certeza que leu o texto direito em momento algum eu falei que as pessoas depois que morrem fieis a cristo perdem a intimidade com Deus EU FALEI QUE ESSA DOLTRINA OU ENSINAMENTO DE QUE DEUS REVELA AS PESSOAS QUE JA MORRERAM O SOFRIMENTO DOS QUE ESTAO VIVOs PARA QUE ELAS VENHAM INTERCEDER POR ELES E ANTI BIBLICA

        • Prezado, não se precipite. Em nenhum momento disse que sou sábio ou dei entender. Siga o ensinamento de Jesus: Não julgueis segundo a aparência (Jo 7, 24) Não me acuse de algo que eu não fiz ou disse. Suas questões é que são velhas e banais, não os versos bíblicos que você citou, mesmo com interpretações absurdas. Sobre sua passagem de Romanos 1, eu não pretendi ser Sábio, eu busco a Sabedoria, por buscar à Verdade que é Deus. Mas longe de mim me dizer Sábio. Não troco a Glória de Deus por estátuas, não sou idólatra… Você está confundindo a minha religião. Sou da Religião Cristã, Católico, a Igreja fundada por Jesus Cristo, que teve centenas de mártires mortos por se negarem adorar outro que não seja Nosso Senhor. A Igreja Católica nunca ensinou que devemos dar a Glória de Deus para imagens, santos, anjos ou qualquer outro objeto ou ser. Você fala em querer ser sábio com seus próprios olhos, mas esta é uma acusação que cai certeira ao protestantismo que prega livre exame. Todo mundo sabe que são você que se guiam por vós mesmos, por critérios pessoais, subjetivos, logo cuide a trave de seu olho. Amigo, a Escritura é tão grandiosa que não cabe a nós, segundo nossos entendimentos, interpretá-la, mas para isso Deus nos deu a autoridade da Igreja, que ele mesmo é a cabeça e guia (cf. Ef. 5,23). Os homens por natureza acorrem a erros continuamente, de modo que esperar que qualquer um deles interprete as Escrituras de dezenas de livros, com várias figuras de linguagem própria de cada escritor, segundo sua vontade, é esperar demais. Com a Escritura Sagrada não se brinca, e é por isso que devemos nos ater à interpretação que a ela dá a Igreja. Por exemplo, tu achas que os judeus poderiam no tempo de Moisés sair do seu modo interpretando às Tábuas? Os ditos de Deus? Claro que não! Tanto é, que a “heresia” de seu tempo, era cortada, homens punidos com morte. Veja o que lemos em Deuteronômio 17,12: “Aquele que, por orgulho, recusar ouvir o sacerdote que estiver nesse tempo a serviço do Senhor, teu Deus, ou o juiz, esse homem será punido de morte. Assim tirarás o mal do meio de Israel.” Você se comporta como o orgulho que aí se refere Deus. Veja mais esse verso: “Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores, principalmente os da circuncisão, Aos quais convém tapar a boca; homens que transtornam casas inteiras ensinando o que não convém, por torpe ganância.” (Tito 1, 10-11) Veja como é condenável a interpretação pessoal em desleixo à interpretação da autoridade competente. Olhe que exemplo maravilhoso que a Escritura nos dá em Juízes 12. Os gileaditas perguntaram a um descendente de Efraim: “És tu efraimita?” Ao que ele respondeu que não. Para pô-lo a prova mandaram que pronunciasse a palavra “Chibolete”, mas o coitado efraimita só conseguia dizer Sibolete, sendo por isso degolado. Note como uma pronúncia, uma mera transposição errônea de um único ponto, seja falada ou escrita, pode causar também nossa morte. Da mesma maneira todo aquele que altera ou acrescenta o menor sotaque na Bíblia é um sacrílego e merece a morte por misturar o Sacro com o Profano. Então, vejas bem, se não ages como aquele efraimita jogado nos vãos de Jordão. Tu também queres trazer a interpretação que queres ao dito de Deus. Quando estamos lidando com bijuterias baratas suas perdas seriam pouca coisa, mas se falamos de joias raríssimas, seu valor é enorme, e sua perda seria enorme. É essa a consciência que devemos ter ao tratar do depósito Sagrado das Escrituras, nossa joia rara. Tenha cuidado com sua interpretação pessoal!!! Devemos nos submeter a Deus em primeiro lugar. Não seria razoável dizer que nenhum indivíduo privado deve atribuir a si mesmo julgamento infalível sobre o que diz a Escritura? E se é desse modo por que não aceitar o que diz à Igreja (essa sim infalível)? Deus não nos deixou para navegarmos ao acaso. Revelou-Se a nós, e devemos crer em toda sua mensagem e não em nós mesmos. Mas é errado acreditar que Nosso Senhor não nos deixou um juiz supremo na terra a quem podemos dirigir-nos em nossas dificuldades, e que é tão infalível em seus julgamentos que não podemos errar. Eu sustento que este juiz não é outra senão a Igreja Católica, que não pode de maneira errar nas interpretações e conclusões que ela faz em relação à Sagrada Escritura, nem nas decisões que ela dá sobre as dificuldades que são encontradas nela. Em 1 Tm 2, 15 é, sim, intercessão de vivos, mas isso não muda nada meu contra-argumento. O que eu te mostrava com isso é que tu interpretas muito mal o mesmo capítulo dizendo que sendo Jesus nosso mediador não poderíamos ter intercessores secundários. Ora, eu mostrei que Ele é nosso único mediador quanto à redenção do mundo, em outros casos há a possibilidade de intercessão que sempre foi praticada na Igreja. O fato de estarem vivos não muda o fato que refutou sua interpretação. Você me pede um possível trecho bem específico da Bíblia que seria “em que os apóstolos falam para a Igreja orar aos padroeiros pedindo intercessão pedindo que intercedam por nós diante de Deus” É claro que não existe essa passagem, que você, propositalmente, manda-me mostrar. Mas o fato de não existir uma situação que você deseja na Bíblia não significa que a oração dos mortos não seja pregada nela. Para fundamento para isso basta ler: 2 Ma. 15,14; Ap. 5,8; Ap. 8,4. Lcs 16,24. Que oraremos ao Senhor (Jer. 29, 12) não muda que podemos pedir o intermédio de outras pessoas. Tu mesmo admite a intercessão dos vivos. A mesma explicação posso dar para Jo 14, 13 e 14. Você diz a Bíblia não menciona nenhum intermediário, isso é falso. No primeiro comentário eu já passei várias passagens de intermediários. Você até tentou me desqualificar dizendo que eram vivos, ora, isso não muda meu argumento. Você aceita intermediário, assim como eu (você pede para pastores, amigos, parentes, orarem por você). A diferença é que você acha que só vivos podem ser, enquanto eu sei que os mortos também podem. Eu peço que meus amigos do céu também orem por mim. Não adianta citar Mt 11,25 e achar que não precisa responder logicamente aos grandes vultos que passaram e ainda estão na Terra. Em Mateus “os pequeninos” é uma referência aos apóstolos e os discípulos daquele tempo, incluir-se ao invés de ser um ato de humildade é usurpação e soberba. Eles receberam a mensagem da boca de Cristo e foram transmitindo aos seus sucessores, daí termos que nos submeter à Igreja para conhecer as verdades reveladas. O que você faz é a partir de si mesmo supor o que Jesus ensinou ou deixou de ensinar. Eu não gosto de argumentos emocionais, usemos apenas a razão nessa conversa. O argumento final que eu dei no primeiro comentário é racional. Estou usando a razão, a mesma que devemos usar para crer, a mesma que tu usas para interpretar a Bíblia. Se ela é ilógica me mostre, se não é, creia.
          Termino citando S. Jerônimo refutando Vigilâncio (vulgo Dormilâncio) sobre esta questão: Se os Apóstolos e os mártires, ainda quando estão em seu corpo, ainda quando devem estar solícitos a respeito de si próprios, podem rezar pelos outros, quanto mais depois das coroas, das vitórias e dos triunfos!… Depois que começaram a estar com Cristo, valerão menos? Será que Paulo Apóstolo… não poderá tugir nem mugir em favor daqueles que em todo mundo creram no Evangelho que ele pregou?… Tu vigiando dormes e dormindo escreves.” (Contra Vigilâncio no. 6) abraço

        • Carlos Ferreira says:

          Nelson
          Obrigado pelas suas brilhantes explicações e citações bíblicas. Aprendi muito. Espero que outros também tenham tirado proveito e aprendido.
          Que fique claro que a Igreja Católica é a autêntica intérprete das Sagradas Escrituras “toto pondere authoritatis suae”.
          Abraços para todos

        • CARO NELSO nao se faca de vitima eu nao te julguei eu apenas comentei sobre oteu jeito prepotente e desrespeitoso para com a palavra de Deus-por mais que voce diga que a nossa interpretacao e errada nos temos provas biblicas do que falamos ao contrario de voces que se baseiam em tradicoes humanas ao inves da palavra de Deus como ficou provado no texto anterior feito por voce mesmo outra coisa que voce falou e que busca a sabedoria por buscar a verdade de Deus se isso e verdade deixe de puxar sardinha para asua religiao e analize bem as sagradas escrituras como diz em( joao 5v39-40corrigi as sagradas escrituras porque achais ter nelas a vida eterna e ela mesma falam de mim)o ingracado e voce dizer que a igreja catolica e livre de erros pelo visto voce nao conhece a Historia da sua igreja como por exemplo o que ela fez com juana darc e depois a canonisou santa as milhares de vidas inocentes que ela mandou matar com tamanha crueldade no tempo da inquisicao o que ela fez com sao francisco de assis ai eu te pergunto tudo isso foi diressionado por Deus eu ti provo na biblia que nao( lucas 9v53-56 diz que os samaritanos nao receberam o senhor jesus e os discipulos vendo aquilo perguntaram a senhor quer que mandemos descer fogo do ceu para acabar com eles e o senhor os repreendeu perguntando de que espirito sois) a palavra de Deus diz que a salvacao vem pelo ouvir a palavra de deus e nao por forca e violencia fica na paz

        • Caro Francisco, foi você que disse que eu me achava muito sábio. Isso é um julgamento, sim. Um julgamento consistindo em quê? Num comentário? Muito pelo contrário, não me acho nada sábio. Em seu novo comentário me chama de “prepotente e desrespeitoso para com a Palavra de Deus”, o que é claramente falso, basta que os leitores atentem aos meus comentários. Eu venero às Sagradas Escrituras, nunca diria nada contra Elas. Julgues tu mesmo se é lícito falar de forma tão áspera com seu irmão que teve como único ‘crime’ discordar de você e defender a Santa Igreja de Cristo.
          Não creio em tradições meramente humanas, creio na Tradição Apostólica. A Tradição Apostólica é a Revelação de Cristo, se você não crê Nela, não crê totalmente nas palavras do Senhor Jesus. O NT não tem toda a revelação, mas parte dela, é por isso que devemos seguir tanto tradição oral quanto escrita (cf. 2 Ts 2,15). Além disso, sem a Tradição não há Bíblia, pois foi pela primeira que se formou o cânon bíblico. Veja nosso pequeno debate desde o começo, quem mais citou a Bíblia aqui fui eu. A diferença é que eu me baseei para dar a legítima interpretação, ao contrário de você que quis se julgar doutor. Nem tentou me refutar. Creio eu que nem conseguiria. Mas é claro que vou defender a Igreja fundada por Jesus, não espere outra coisa. Perdoe-me, mas você não sabe nada do julgamento da Santa Joana D’arc. Seu processo foi considerado inválido pela a Igreja (1456) pouco tempo depois de sua morte (1431). Sua morte foi por questões políticas. É óbvio que o erro do farsante bispo Pierre de Cauchon não recai à Igreja. Todos os Tribunais do mundo tem suas falhas, nem a Inquisição escapa disso, o que não significa, porém, que a Igreja passa a errar por conta dos maus. Essa mesma Joana D’arc que citas foi a que disse: “Deus e a Igreja não são coisas diferentes.” Os historiadores que fazem jus aos seus nomes sempre demonstram que a Santa até o fim de sua morte foi católica e que nunca imputou à Igreja a maldade dos ingleses. E o que a Igreja fez com o pobre de Assis? Que absurdo! Sempre foi muito estimado pelos papas. Seu exemplo dos samaritanos contra a Inquisição não é feliz. A fé tem que ser voluntária, ninguém é obrigado a ouvir ou a atender o pregador. Agora, uma coisa completamente diferente é tratarmos daqueles que já foram batizados e pervertem a fé. Como disse Santo Tomás uma vez dentro é necessário e caso falte com o compromisso já pode ser coagido. A Igreja só julga seus súditos, mais uma razão para seu exemplo não valer. Diz o Concílio de Trento: “A Igreja a ninguém julga que não tenha entrado nela antes por meio do batismo” (Sessão XIV, cap. 2.) É o mesmo que diz o Papa Inocêncio III (cf. Decretales, IV, 19, 8). Do mesmo modo em Deuteronômio (13, 12-18) lemos que Deus mandou matar infiéis por seus pecados; isto só quando de alguma maneira eram súditos. Pode-se ver na interpretação de São Cipriano (Exhoratatio ad Martyrium, cap. 5 (PL. 4, 710). Em suma: A Inquisição só julgava hereges (aqueles que foram batizados, logo estão sob sua potestade) e é por isso que sua citação não vai de encontro. Nosso Senhor disse: “força-os a entrar
          (Lc 14:23) e isso cabe aos hereges.
          Tomo a liberdade para comentar o que você disse ao Carlos. Suas acusações contra os deuterocanônicos são infantis. Aqui está um link no meu blog que para você estudar: Apócrifos ou canônicos? Onde demonstro que os livros já eram reconhecidos como canônicos muito antes do Concílio de Trento e que também Jesus e os apóstolos utilizavam esses livros.

          Sobre os reconhecimento dos judeus veja o que diz o historiador Fedeli Pasquero:
          “Na realidade, seguramente os judeus alexandrino no séc I d.C. reconheciam como sagrados os livros
          deuterocanônicos [do AT]; não obstante a isso, eles estavam em plena comunhão de fé com os judeus da palestina, coisa que não teria sido possível se houvesse divergências em relação aos livros sagrados. Com efeito, os doutores hebreus faziam uso de pelo menos alguns dos livros deuterocanônicos[do AT]; de modo especial, encontramos frequentemente citados Baruc, o Sirácida [Sabedoria de Siarc ou Eclesiástico], Tobias” (Fedeli Pasquero)Q>

          Judas Macabeus não reconheceu que pudesse haver erros em seu escrito, mas tão somente que poderia estar mal ordenado. Algo totalmente admissível já que foram homens que escreveram a Bíblia, mesmo tendo inspiração divina. Deus não ditava o que se devia pôr. Não há erro algum de fé ou moral, ou mesmo científico, mas que, no entanto não prova que tenha que ter precisão de forma. Não há revelação direta, mas inspiração. Tanto é que enxergamos ‘contradições’ nos relatos dos Evangelhos (cf. Mt 5,1 com Lc 6,17-23 17; Mt 28,16 com Lc 24,50; Mc 10,46 com Mt 20,29, etc.)

          Quanto às incoerências dos livros, mostre-me. Sobre 1 Cor. 4, 6, há duas soluções possíveis: 1ª São Paulo falava de sua outra carta enviada a Coríntios (cf. 1 Cor 5, 9-10), que hoje em dia não possuímos. 2ª Uma tradução possível é: não ser sábio além do que está escrito. Ou seja, não querer se achar superior aos seus irmãos, mas estar junto a eles submisso à Bíblia. Outra coisa, na época que foi escrita essa carta, faltavam muitas outras ainda, de modo que interpretar que não poderia vir nada além daquele conjunto já pronto não procede. Ao interpretar esse verso se deve ter em mente os atritos existentes nessa comunidade, em que uns se diziam de Paulo, uns de Apolo e outros de Cefas.

        • CARLOS FERREIRA eu te aconselho a pesquisar um pouco mais as sagradas escrituras e deixe de lado a opiniao dos outros olha o que diz em lucas 6v39 que um cego guiando outro cego ambos cairam no mesmo buraco e se analizarmos bem os ensinamentos do catolicismo romano que buraco terrivel como por exemplo em 8 de abril de 1546a 1563 noconcilio de trento a onde foram acrescentados a biblia de voces os chamados livros apocrifos os quais nao atribuem a si inspiracao divina,nao foram considerados palavra de deus pelo povo judeu,nao foram considerados como escritura pelo senhor jesus nem pelos apostolos e nem pelos dimais escritores do novo testamento e tem mais contem ensinos incoerentes com o restante da biblia (no livro de apocalipse 22v18ao 19 diz que se alguem tirar ou acrescentar qualquer palavra que est escrita neste livro Deus lhe acrescentara os flagelos escrito neste livro OBS.analise bem os erros cronologicos e historicos de judite ,tobias ,1 macabeus,observe que em segundo macabeus 15.38-39 a onde o escritor pede desculpa pelos erros como poderiam ser inspirados se contem errosCOMO DIZ EM JOAO5V39EXAMINAIS AS ESCRITURAS ,PORQUE JULGAIS TER NELAS A VIDA ETERNA E SAO ELAS QUE DE MIM TESTIFICAM JOAO 10V35DIZ NADA ACRESCENTAIS A PALAVRA QUE EU VOS MANDO NEM DIMINUIREIS NADA DELA PARA QUE GUARDEIS OS MANDAMENTOS DO SENHOR VOSSO DEUS ca entre nos voce na acha estranho que a fe catolica venha se basear so no ensino da igreja romana sem o devido apoio da Biblia ou seja em costumes e tradicoes dos vossos pais PENSE O QUE DIZER DE TODAS AS VIOLACOES AS ESCRITURAS JA ESPOSTAS AQUI ADOTE 1CORINTIOS 4V6 COMO UM NOVO PARADGMA “NAO ULTRAPASSEI O QUE ESTA ESCRITO“ FICA NA PAZ

        • Carlos Ferreira says:

          Francisco Gean
          Após longo tempo sem acessar meu computador, pude ler agora a quantidade enorme de bobagens que você escreveu. O que me deixa mais triste é ver que você não está disposto a aprender. Até a sua escrita deixa a desejar, gramaticalmente.
          Como você se atreve a criticar a única e verdadeira Igreja de Cristo (Católica)? Os livros considerados canônicos pela Igreja, realmente o são pois, a Igreja se pronunciou com todo o peso de sua autoridade dada por Cristo.
          Já vi que não importa o quanto você seja orientado pelo Nelson ou por mim, você está decidido a não aceitar.
          De minha parte desisto, pois sinto-me como se estivesse falando para uma parede. Farei como disse Cristo, “…se alguém não quiser vos ouvir, sacudi vossas sandálias e segui em frente…”
          Não sei a qual seita você pertence, qual o fundador dela, mas recomendo-lhe que seja mais humilde, saia dela, busque um curso catequético na Igreja Católica e converta-se. Cristo está de braços abertos para perdoá-lo.
          Não perca seu tempo tentando responder esta mensagem pois não vou mais responder. Não importa o que você diga.Tchau. Deus o abençoe e o converta.

        • FRANCISCO GEAN PINHEIRO says:

          CARO NELSON CONFESSO QUE FIQUEI TOCADO COM O SEU TIATRINHO em dizer que se sentil ofendido por mim enquanto so tava querendo defender a igreja de cristo. e ainda dizer que nao crer em tradicoes meramente humanas e sim na tradicao dos apostolos isso e verdade mim mostre na Biblia alguma referencia em que algum dos apostolos diz que a primeira igreja de cristo foi a igreja catolica romana, que fale da assuncao de maria , que pedro foi o primeiro papa,que maria e a rainha do ceu,que fale em purgatorio,ou que maria e imaculada(sem pecado)que diga que maria e a mae de DEUS,a onde na biblia fala sobre a canonizacao de santos,sobre usar um rosario para orar,”outra coisa que voce falou e que a igreja tem o direito de coagir os que trazem mal testemunho a igreja tudo bem concordo mas dai mandar torturar,matar como foi feito na inquizissao mostre me biblicamente essa referenciaE PARA FINALIZAR VOCE DISSE QUE QUEM MAIS SE BASEOU NA BIBLIA FOI VOCE TAI UMA BOA OPORTUNIDADE PARA VOCE MOSTRAR QUE REALMENTE ESTA SE BASEANDO NA BIBLIA outro ponto que mim chamou a atencao e voce usar o velho testamento para justificar a inquisicao isso e um absurdo nos estamos ns tempo da graca e nao da lei pelo visto voce nao tem conhecimento disso nao e que pena a ja ia mem esquecendo eu nao quero te ofender so estou cumprindo a odem CRISTO EM MARCOS 16V15 IDE AO MUNDO E PREGAI O EVANGELHO A TODA CRIATURA FICA NA PAZ POIS EU CREIO QUE ASSIM COMO O APOSTOLO PAULO VOCE UM DIA SERA MUITO USADO POR DEUS E NESSE DIA EU TEREI O PRAZER DE TE SAUDAR COM A PAZ DO SENHOR

        • Carlos says:

          Não vou comentar a quantidade enorme de bobagens que você falou. Não caberia aqui.
          Saiba que a Bíblia que você lê (se não for aquela modificada pelas seitas) chegou até você graças à tradição da Igreja Católica. Aprenda a respeitar e a amar Maria, a mãe de Jesus, e portanto, mãe do Deus Verdadeiro.
          Aconselho-o a procurar uma paróquia e pedir humildemente que um sacerdote o instrua.
          Sugiro-lhe também procurar um professor da língua portuguesa que você tão duramente castiga. Adeus.

        • Caro Francisco, antes de começar quero lhe desejar a Paz do Senhor, a mesma paz que tu me negaste no final de sua mensagem. Eu tenho grande carinho por protestantes, muitos dos meus parentes são evangélicos, não tenho motivo para não lhe tratar com caridade. Desde que começamos nosso diálogo você se mostrou muito agressivo e pouco feliz na tentativa de responder meus argumentos. Será isso sintoma de que erras? E se estiveres errado, qual seria o problema de admitir? Seu último comentário não responde em nada meus argumentos. Tocou acidentalmente numa coisa aqui e outra ali, mas nada suficiente para verdadeiramente tentar me refutar ou levar essa discussão a sério.
          Começou seu comentário já bem irônico e sem alguma justificativa. Mais acusações: agora sou um ator (você disse que faço teatro aqui). Por que tantas acusações e violências gratuitas? Se estou perdendo tanto tempo conversando contigo para que serviria um teatrinho? O que somente fiz foi mostrar que tu me acusas pela aparência e não pela justiça… Para responder o que eu disse, apesar do tom irônico, você continua no mesmo erro, acusando seu próximo falsamente. Sobre isso não direi mais nada. Deus há de deixar isso tudo claro no Juízo (ainda que espere que você se arrependa antes).
          Você diz que se eu acredito na Tradição Apostólica deveria te mostrar pela bíblia o que você aí enumera. Antes de fazer isso em alguns casos quero antes dizer que a Tradição Apostólica (Revelação dada por Deus aos apóstolos) não se resume aos livros escritos pela comunidade cristã. A Bíblia é parte dessa Tradição que digo, mas não se confunde com ela. Aliás, a Tradição Apostólica é anterior a Bíblia, e foi dessa primeira que se formou o cânon (conjunto dos livros Sagrados). A Bíblia não caiu do céu e demorou algumas décadas para que alguém escrevesse o primeiro livro do Novo Testamento depois da morte de Jesus. Em suma: a Tradição Apostólica é toda revelação de Cristo, na Bíblia está parte dessa revelação, mas não toda.
          É o próprio apóstolo João que diz: “Há, porém, ainda muitas outras coisas que Jesus fez; e se cada uma das quais fosse escrita, cuido que nem ainda o mundo todo poderia conter os livros que se escrevessem. Amém.” (João 21,25)

          Também o Evangelista Lucas: “Aos quais também, depois de ter padecido, se apresentou vivo, com muitas e infalíveis provas, sendo visto por eles por espaço de quarenta dias, e falando das coisas concernentes ao reino de Deus.” (Atos 1,3)
          Ora, a revelação findou com a morte do último apóstolo e não com a morte de Jesus.

          Nem os apóstolos criam que só os livros sagrados eram fontes da Revelação de Cristo, pois eles falavam também da Tradição oral. Vejamos:
          “Assim, pois, irmãos, ficai firmes e conservai os ensinamentos que de nós aprendestes, seja por palavras, seja por carta nossa.” (2 Ts 2,15)

          “Tendo muito que escrever-vos, não quis fazê-lo com papel e tinta; mas espero ir ter convosco e falar de face a face, para que o nosso gozo seja cumprido.” (2 João 1,12)

          “E o que de minha parte ouviste através de muitas testemunhas, isso mesmo transmite a homens fiéis e também idôneos para instruir a outros.” (2 Tm 2,2)

          “Ó Timóteo, guarda o bem que te foi confiado! Evita as conversas frívolas e mundanas, assim como as contradições de pretensa ciência. ” (1 Tm 6, 20)

          “Perseveravam eles na doutrina dos apóstolos, na reunião em comum, na fração do pão e nas orações.” (Atos 2,42)

          Sem falar que tal pensamento é claro na igreja primitiva, os cristãos primitivos sempre defenderam a tradição oral e que a Bíblia não era a única fonte.

          Isso só para mostrar que nem tudo está na Bíblia, mas tudo na Revelação de Cristo (Bíblia + Tradição oral).

          Agora vamos aos levantados:

          “Me mostre algum apóstolo dizendo que a Igreja de Cristo é a “catolica romana”

          Pela sua lógica alguém deveria mostrar um apóstolo dizendo expressamente que a Igreja de Cristo é a “Igreja Cristã” para daí ser possível se incorporar à Igreja Cristã. É isso mesmo?! A forma que designaram ela é indiferente, o fato aqui é histórico. Temos uma Igreja desde o primeiro século com uma continuidade unívoca na fé, esta é a Igreja que ainda no século I iria se chamar pela primeira vez (que temos registros) católica por Santo Inácio de Antioquia, discípulo do apóstolo S. João. Sua denominação evangélica certamente tem um nome, mas você já perguntou ao seu pastor onde está na bíblia esse nome para a Igreja de Cristo? Não? E fez diferença? Então… 🙂 A forma que se prova que a Igreja Católica é a Igreja de Cristo é mostrar que só ela sempre subsistiu, apesar de todas as forças contrárias. Só ela tem as mesmas crenças desde o começo até agora. Deus não é um Deus de divisão. Efésios 4,5: “há um só. Senhor, uma só fé, um só batismo”… Uma só fé só se encontra na Igreja Católica enquanto vocês protestantes desde 1517 vivem se fragmentando. Aqui está a prova que a minha Igreja é a de Cristo e não a sua. Aliás, “as portas do inferno não prevalecerão sobre ela”…

          “Fala da assunção de Maria”

          Em apocalipse está figurada sua assunção como vemos:
          “E foram dadas à mulher duas asas de grande águia, para que voasse para o deserto, ao seu lugar, onde é sustentada por um tempo, e tempos, e metade de um tempo, fora da vista da serpente.
          E a serpente lançou da sua boca, atrás da mulher, água como um rio, para que pela corrente a fizesse arrebatar.
          E a terra ajudou a mulher; e a terra abriu a sua boca, e tragou o rio que o dragão lançara da sua boca.” (12,14-16)
          O anjo Gabriel na anunciação chama Maria de Cheia de Graça (Lucas 1,28) termo que significa estar em plena graça, isto é, imaculada, sem pecado original. Como Maria não o tinha, logo não poderia sofrer suas consequências e uma delas é a morte e corrupção corporal. Um silogismo simples:
          1. A morte veio por causa do pecado original (, assim, todos aqueles que herdassem esse pecado necessariamente morreriam (cf. Gênesis).
          2. Maria nasceu imaculada. (não o herdou)
          3. Logo, Maria não morreu.

          “Que Pedro foi o primeiro Papa””

          “E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela.19.Eu te darei as chaves do Reino dos céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.” (Mt 16, 18-19)

          “E, depois de terem jantado, disse Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de Jonas, amas-me mais do que estes? E ele respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeiros.
          Tornou a dizer-lhe segunda vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Disse-lhe: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas.
          Disse-lhe terceira vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Simão entristeceu-se por lhe ter dito terceira vez: Amas-me? E disse-lhe: Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo. Jesus disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas.” (João 21,15-17)

          Isso é ser Papa.

          “que maria e a rainha do ceu”

          “Apareceu em seguida um grande sinal no céu: uma Mulher revestida do sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas.” (Apocalipse 12. 1) Leia todo o capítulo para veres que se refere à Maria.

          Também vale lembrar da cultura semita onde a mãe do Rei era considerada “Gemera” (Rainha-Mãe), servindo de intercessora quando o povo a solicitava. Referências bíblicas:
          “Até Maaca, sua avó, depôs da dignidade de rainha-mãe”. (1 Reis 15, 13)
          2Reis 10,13: “Somos irmãos de Acazias, e descemos a saudar os filhos do rei e os filhos da rainha-mãe”. (2 Reis 10, 13)
          “Dize ao rei e à rainha-mãe: humilhai-vos, e assentai-vos no chão”. (Jeremias 12, 18)

          Repare essa passagem que interessante:
          “Então veio Adonias, filho de Hagite, a Bate-Seba, mãe de Salomão. Perguntou ela: ‘De paz é a tua vinda?’. Respondeu ele: ‘É de paz’. E acrescentou: ‘Uma palavea tenho que dizer-te’. Disse ela: ‘Fala’. Disse ele: ‘Bem sabes que o reino era meu, e todo o Israel tinha posto a vista em mim para que eu viesse a reinar, ainda que o reino se transferiu e veio a ser de meu irmão; pois foi feito seu pelo Senhor. Agora um só pedido te faço; não mo rejeites’. Ela lhe disse: ‘Fala’. Ele disse: ‘Peço-te que fales ao rei Salomão (pois não to recusará), que me dê por mulher a Abisague, a sunamita’. Respondeu Bate-Seba: ‘Muito bem, eu falarei por ti ao rei’. Quando Bate-Seba foi ter com o rei Salomão, para falar-lhe por Adonias, o rei se levantou a encontrar-se com ela, inclinou-se diante dela, e se assentou no seu trono. Mandou que pusessem um trono para a mãe do rei, e ela se assentou à sua mão direita. Disse ela: ‘Só um pequeno pedido te faço, não mo rejeites’. E o rei lhe disse: ‘Pede, minha mãe, porque não to recusarei’. Disse ela: ‘Dê-se Abisague, a sunamita, por mulher a Adonias, teu irmão'”. (1 Reis 2, 13-21)

          “que fale em purgatorio”

          Vejamos: Mt 12, 32; Mt 5, 25-26; 1 Cor 3,11-15; 1 Pedro 3, 19 -20; 1 João 5, 16

          Veja esse meu post: http://www.digitusdei.com.br/2011/06/purgatorio-e-penas-temporais.html

          “ou que maria e imaculada(sem pecado)”

          É chamada, como já disse, pelo anjo Gabriel de cheia de graça (kekharitômenê), portanto, sem mácula.

          Ela está no Particípio Perfeito, provinda do verbo “Charitoo” que quer dizer: “estado de santidade ou graça diante de Deus”. O prefixo “ke” indica tempo passado indefinido de sua “charitoo”. E o sufixo “mene” indica que sempre será assim. Se o Kecaritwmenh está no tempo passado indefinido, é pq em toda sua vida ela foi assim, desde a concepção. O modo de “Particípio Perfeito” indica que Deus a fez assim, ou seja, ela ERA e não ESTAVA. Se esse estado de santidade tivesse ocorrido após sua concepção deveria ser usada a palavra “Karitúmene”, que é o particípio presente. Por isso, como bem passou o Reverendo, ela foi nomeada de Kecaritwmenh, ao invés do anjo dizer “chaire Maria” (Alegra-te Maria), disse “chaire kekaritomene” (Alegra-te cheia de graça), o que mostra que essa qualidade é de sua natureza.
          Para um entendimento mais fácil, o anjo quis dizer: “TU QUE ÉS E SEMPRE FOSTE PLENA DA GRAÇA DIVINA”.
          Foi falado sobre “plêrês kharis” (duas palavras), essa expressão tem significado literal por “cheio de graça”, enquanto “kekharitômenê” não há palavra que demonstre literalmente sua verdadeira definição em nossa língua.

          “e a mae de DEUs”

          “Como posso merecer que a Mãe do meu Senhor me venha visitar?” (Lucas 1,43)

          “Por isso o ente santo que nascer de ti será chamado Filho de Deus.” (Lucas 1, 35)

          “a onde na biblia fala sobre a canonizacao de santos”

          A canonização é somente o reconhecimento de que algum justo está no céu. Não criam Jesus e os apóstolos que os profetas justos lá estariam? Exemplo de canonização vemos quando Jesus promete o paraíso ao bom ladrão no mesmo dia (cf Lc 23,43)

          “sobre usar o Rosário”

          O Pai-Nosso é totalmente bíblico e a Ave-Maria se compõe com várias frases bíblicas também, ora, essas duas orações compreendem a maior parte do Rosário. Mas é certo que não há na Bíblia referente ao uso material dele, o que para mim é indiferente, é uma criação piedosa. Por exemplo, mostre-me na Bíblia que os cristãos deveriam ter templos próprios? Vemos pela Bíblia que os primeiros cristãos se reuniam nas casas um dos outros. Só bem depois (com Constantino) é que puderam ter liberdade para criar templos para tal culto, no entanto, não há base bíblica para isso.

          “mas dai mandar torturar,matar como foi feito na inquizissao”

          Eu dei um exemplo bíblico para a morte, lembra?

          “Do mesmo modo em Deuteronômio (13, 12-18) lemos que Deus mandou matar infiéis por seus pecados; isto só quando de alguma maneira eram súditos.”

          Mais exemplos bíblicos:

          “Aquele que, por orgulho, recusar ouvir o sacerdote que estiver nesse tempo a serviço do Senhor, teu Deus, ou o juiz, esse homem será punido de morte. Assim tirarás o mal do meio de Israel.”(Deuteronômio 17,12)

          São abundantes passagens que lemos “cortado do povo” , “tirar mal do meio de Israel” etc. (Conf. Em Deuteronômio 13: 1 e 5 e em Josué 7)

          Há casos na Bíblia em que o combate não teve uma ordem de Deus, e mesmo assim Ele aprovou, como: I Samuel, 17; I Samuel, 18; I Reis 20,36; 2 Reis 2:23-25 e outras…

          “Não deixarás viver uma feiticeira” (Exodo 22, 18)

          “Aquele que oferecer sacrifícios a outros deuses fora do Senhor, será votado ao intérdito.” (Exodo 22,20)

          “Guardareis o sábado, pois ele vos deve ser sagrado. Aquele que o violar será morto; quem fizer naquele dia uma obra qualquer será cortado do meio do seu povo.” (Exodo 31,14)
          “Se alguém se dirigir aos espíritas ou aos adivinhos para fornicar com eles, voltarei meu rosto contra esse homem e o cortarei do meio do povo” (Levítico 20, 6)
          “Se se levantares no meio de ti um profeta ou um visionário, anunciando-te um sinal ou prodígio […]
          Aquele profeta, aquele visionáriom porém, será morto[…] Assim tirarás o mal do meio de ti” (Deuteronômio 13: 1 e 5)
          Leia mais em Josué 7 onde Deus manda santificar o povo, cortando o mal pela raíz.

          “outro ponto que mim chamou a atencao e voce usar o velho testamento para justificar a inquisicao isso e um absurdo nos estamos ns tempo da graca e nao da lei “

          Esse argumento não é relevante, pois o que quero mostrar com as passagens é que não é contra a moral a morte dos hereges, ora Deus aprovou, Ele não aprova coisas intrinsecamente más, nem as permite. Deus é Sumamente Bondoso, não poderia ordenar ao seu povo algo contra a dignidade da pessoa humana. Mas se queres exemplo do Novo Testamento, aqui vai:

          São Paulo manda calar a boca dos hereges:
          “Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores, principalmente os da circuncisão, Aos quais convém tapar a boca; homens que transtornam casas inteiras ensinando o que não convém, por torpe ganância.” (Tito 1, 10-11)

          São Paulo entrega hereges para Satanás:
          “E entre esses foram Himeneu e Alexandre, os quais entreguei a Satanás, para que aprendam a não blasfemar.” (1 Timóteo 1, 20)

          São Pedro condenando a morte a mulher de Ananias:

          “Replicou Pedro: Por que combinastes para pôr à prova o Espírito do Senhor? Estão ali à porta os pés daqueles que sepultaram teu marido. Hão de levar-te também a ti.” (Atos 5, 9)

          Assim, eu finalizo esta resposta que já está bem longa. Espero que se alguma próxima mensagem sua vier seja com mais amor.

          Desejo-lhe a paz do Senhor!

  18. Ricardo says:

    Já li muitos livros do Pe. Quevedo. Ele realmente sabe muito.
    Concordo plenamento com todos os livros que li até então.

    “Antes que os demônios voltem” é uma obra magnífica.

    • Naldo says:

      Ricardo, tudo bem?

      Obrigado pela sua participação, pelo seu comentário.

      Abraço!

  19. Ramon says:

    Bacana sua entrevista.
    Bastante interessante a historia do Indio.
    Onde fica a basilica que e mencionada onde estão tods os dados do milagre?

    • Naldo says:

      Oi, Ramon, tudo okay?

      Então, a Basília fica no México. Você pode ver uma fotografia aérea dela a partir do Google Maps. Os dados científicos são um pouco mais difíceis de encontrar. O Quevedo tem uma biblioteca que possui alguns documentos. Essa biblioteca fica no Clap, citado no texto. Lá, tem um livro sobre o estudo feito nos olhos da imagem. Outro lugar onde você pode encontrar esses dados é no museu da própria Basílica.

      Blz?

      Abraço!

  20. Fizemos um inquérito com 4.000 pastores evangélicos que expulsam os demônios e quando eles estão doentes, nenhum vai a outro pastor para que lhe expulse o demônio. Vão aos médicos, por que será?
    é pq eles nao confiam nem neles!!! seraaaá
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK…

    • Naldo says:

      Reginaldo,

      Não tive acesso a esse inquérito e não sei como foi feito. De qualquer modo, se você quiser saber mais a respeito, sempre poderá ligar no Clap e perguntar diretamente ao padre Quevedo que é muito gente fina e tenho certeza que vai lhe atender bem.

      Obrigado pela sua participação!
      Abraço!
      Naldo

      • maria says:

        Mostram vários tipos de milagres escritos,quem escreveu esses livros? R-quem precisa sobreviver daquilo que tem, que viu, ou ouviu,ou seja tudo gera renda.

        Quem fez e quem faz o milagre é Deus, e ele não precisa de renda para sobreviver o milagre vem da fé, certeza e confiança naquele que cremos.

        Falar do milagre é fácil, difícil
        é fazer o milagre.

    • GEAN says:

      SE O CARO AMIGO ESTUDASSE UM POUCO MAIS A BIBLIA IA VER QUE DEUS NAO CONDENOU A MEDICINA E QUE OS PROPRIOS IRMAOS DA IGREJA PRIMITIVA ADOECIAM COMO NO CASO DE EPAFRODITO FILIPENSEScap2V25-27 E VALE RESSALTAR QUE NEM TODA INFERMIDADE E PORCAUSA DE DEMONIO por ex .o falecido papa joao paulo ii sofria de uma enfermidade terrivel e so voce perguntar a qualquer padre ou catolico praticante digamos assim de passagem (obs,ele faleceu sem ser curado da tal enfermidade sera que e porque ele nao tinha fe para ser curado?)
      espero ter respondido a sua pergunta fica com Deus pb JEAN

  21. Samuel says:

    Fraude. Deus não existe, tampouco ‘o além’ e toda e qualquer derivação. Seria muito simnples ‘separar o joio do trigo’ se fôssemos capazas de aceitar o fato de que esta realidade, física, é tudo.

    • Naldo says:

      Olá, Samuel!

      Muito obrigado por compartilhar as suas impressões sobre esse mundo no blog Jornalismo Freelance.

      Abraço!

    • josedeandrade says:

      se Deus nao existe vc tambem nao existiria ipocrita um dia prestaremos conta ao criador ninguem escapara do seu julgamento

  22. Nelson says:

    Caro Naldo, posso publicar esta entrevista no meu blog? Citando a fonte é claro…

    • Naldo says:

      Nelson, como vai?

      Autorizo a publicação, mas só até o final da resposta da primeira pergunta. Depois disso, peço que você coloque o link: http://www.gomesnaldo.wordpress.com, por baixo das palavras Jornalismo Freelance. Ok?

      Grande abraço e muito boa sorte!

      • Nelson says:

        Estou bem, sim, Naldo. Está certo, farei assim. Só mais uma coisa: Você ainda tem contato com o Padre Quevedo?
        Eu li no Wikipédia (site não confiável) o seguinte:
        “[…]o tecido não é o ayate, mas uma mistura de cânhamo e linho[1], que resistem ao tempo.”
        [1] http://www.sectas.org/Secciones_Especiales/canonizacion/guadalupana.htm

        Seria interessante ver o parecer dele sobre isso.

        Abraços.

        • Naldo says:

          Nelson,

          Consiga um telefone no site do Clap.org.br e fale diretamente com o Quevedo.

          Grande abraço!
          Naldo

  23. Pingback: Um ano de Jornalismo Freelance « Jornalismo Freelance

  24. Adrien says:

    Cara! Muito boa mesmo a entrevista. Parabéns!

    • Naldo says:

      Oi, Adrien. Muito obrigado pela “audiência”.

  25. Helenize Rodrigues Resende says:

    A entrevista está fantastica, Padre Quevedo é sempre leal no que diz, além disso Nossa Senhora de Guadalupe é um ótimo tema, sou admiradora da história e de Nossa Senhora a mais de dois anos, foi quando comprei alguns livros e pesquisei na internet. Mas confesso que o que mais me tocou foi a sua imagem, tem traços vivos e é cheia de sentimento, quando olho para sua imagem tenho vontade de chorar e ao mesmo tempo de cantar, mas não de tristeza e sim de alegria pelo maior presente que Deus me deu: A vida, todo o tempo que eu viver não será suficiente para agradecer tudo que tenho, para agradecer o sacrificio de Jesus por mim e pelos que eu amo. Nossa Senhora é exemplo de filha, de mulher e principalmente de mãe. Espero um dia poder levar ao altar de Deus flores para a mais preciosa flor, mi madre. Um grande abraço

    • Naldo says:

      Um abraço, Helenize. E obrigado pelo comentário!

  26. Legal!
    Muito interessante a história desse índio, eu não a conhecia!
    Confesso que não li tudo, mas irei assistir a entrevista editada no youtube.
    abraços!

    • Naldo says:

      Oi, Thaís! Fico muito feliz com a sua visita nesse blog.

      A história desse índio é muito interessante e muito cheia de mistérios.

      Muito obrigado pela audiência e, você também está fazendo um ótimo trabalho no blog http://www.contemporaneoeindiscreto.blogspot.com. A sua entrevista com o Fábio Porchat ficou ótima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: